Menu
KAGIVA
segunda, 15 de outubro de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca
PARCELA DE R$ 1.677,74

Seguro-desemprego é reajustado em 2,07%, aumento de R$ 34,02

12 Jan 2018 - 07h57Por DA REDAÇÃO

Entrou em vigor ontem (11), os trabalhadores demitidos há até cinco meses e que ganhavam mais de um salário mínimo receberão mais dinheiro do seguro-desemprego. O valor do benefício superior ao mínimo foi reajustado em 2,07%, equivalente à variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano passado.

Com o aumento, o teto mensal do benefício subirá de R$ 1.643,72 para R$ 1.677,74, diferença de R$ 34,02. O piso do seguro-desemprego equivale a um salário mínimo, que passou de R$ 937 para R$ 954 em 1º de janeiro, alta de 1,81%.

Para quem recebia mais que o mínimo, o valor do seguro-desemprego é calculado com base em três faixas salariais. O segurado demitido que ganhava até R$ 1.480,25 recebe 80% do salário médio limitado ao salário mínimo. De 1.480,26 a R$ 2.467,33, o valor equivale a R$ 1.184,20 mais 50% do que exceder R$ 1.480,25. Quem ganhava mais que R$ 2.467,33 recebe o teto de R$ 1.677,74.

Pago aos trabalhadores dispensados sem justa causa com recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), o seguro-desemprego é calculado sobre a média do salário dos três meses anteriores à demissão. Se o empregado tiver sido demitido antes desse período, o benefício é definido com base na média de dois meses ou um mês.

O pagamento é limitado a três, quatro ou cinco parcelas, dependendo do período trabalhado antes da demissão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMPREGOS
Inscrições de concurso com 43 vagas para MS se encerram no domingo
GERAL
Comissão exclui prova de digitação do concurso da Polícia Civil de MS
SEMANA DO SACO CHEIO
Mais de 27 mil pessoas devem passar pela rodoviária no feriado
BUROCRACIA
Temer sanciona lei que dispensa documento autenticado em órgão público
ELEIÇÕES 2018
Quase 400 mil pessoas terão que justificar voto em MS
GERAL
Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira prêmio de R$ 23 milhões
TECNOLOGIA
'Celular Legal' começa a ser implementado no próximo domingo em MS, aparelhos serão desativados
EMPREGOS
Semana inicia com 1,9 mil vagas em concursos e salários até R$ 6,6 mil
SEGURANÇA NAS ELEIÇÕES EM MS
Sem cadeião, Mato Grosso do Sul terá 4,5 mil policiais nas ruas durante as eleições
TEMPO E TEMPERATURA
Meteorologista alerta para chuvas no domingo à tarde e recomenda votar cedo