Menu
ITALÍNEA DOURADOS
quarta, 15 de agosto de 2018
KAGIVA
Busca

Salários e oportunidades atraem cada vez mais estrangeiros para o Brasil

27 Jul 2011 - 13h17

O Brasil está atraindo cada vez mais trabalhadores estrangeiros. Balanço do Ministério do Trabalho e Emprego mostra que, apenas no primeiro semestre do ano, 26,5 mil estrangeiros conseguiram autorização para trabalhar no país. Na maioria, vistos temporários com validade de até dois anos. Aumento de 19,4% em comparação com 2010, quando foram emitidos 21,1 mil vistos para trabalhadores estrangeiros.

O país está recebendo, principalmente, portugueses, espanhóis, norte-americanos e trabalhadores dos países da América do Sul. Os profissionais vêm para ocupar vagas nos setores ligados à engenharia, infraestrutura e tecnologia, como construção civil,  portos, petróleo e gás e tecnologia da informação. Os estrangeiros também encontram oportunidades na área financeira, principalmente os especializados em contabilidade internacional, que enfrentam dificuldades para conseguir colocação no país de origem, em razão dos efeitos da crise econômica que atinge a Europa e os Estados Unidos.

A Consultoria Hays atua em 29 países e recruta executivos para empresas dos mais diversos segmentos. De acordo com pesquisa da consultoria, 80,4% das empresas do Brasil demonstraram a intenção de contratar. Para César Rego, gerente da Hays em Curitiba, o número de estrangeiros dispostos a trabalhar no país reflete o crescimento da economia brasileira. “Eles veem aqui a oportunidade de desenvolvimento profissional , para ganhar responsabilidade e visibilidade nas corporações. Além disso, a União Europeia e os Estados Unidos perceberam que a qualidade de vida aqui já está em padrões aceitáveis. Em alguns cargos, principalmente na área de financias, o executivo brasileiro já é mais bem remunerado”.

Segundo dados da Coordenação-Geral de Imigração, vinculada ao Ministério do Trabalho, órgão que concede os vistos de trabalho aos estrangeiros que querem trabalhar no Brasil, as cidades mais procuradas pelos estrangeiros são São Paulo e Rio de Janeiro.

O espanhol da cidade de Marbella Álvaro Torquemada, de 36 anos, é casado com uma brasileira. Formado em administração em 2009, ele terminou um curso de pós-graduação do tipo MBA (Master of Business Administration) no IE Business School, da Espanha. Como o país europeu também sofre com a crise econômica internacional, Torquemada decidiu vir para o Brasil. “Vi que no Brasil teria mais oportunidades que na Espanha para o crescimento profissional”, disse ele.

Torquemada conseguiu emprego de gerente de consultoria em Sustentabilidade da empresa Eccaplan e mora na capital paulista há um ano e meio. Segundo ele, o processo para conseguir o primeiro emprego aqui foi demorado. Levou quatro meses e seis entrevistas. Já a mulher dele, formada em publicidade e marketing, conseguiu emprego assim que chegou ao Brasil. “Hoje, os salários em São Paulo estão mais altos que na Espanha. Além do mais, já sou apaixonado pelo Brasil e adoro morar aqui ", disse Torquemada.

De acordo com César Rego, esse tipo de profissional qualificado que vêm para o Brasil traz práticas e tecnologias que ajudam a desenvolver e expandir a economia do país. E a chegada de profissionais estrangeiros não diminui as chances dos brasileiros de conseguir se posicionar no mercado de trabalho. “É porque o Ministério do Trabalho determina que, para trazer alguns profissionais, é preciso comprovar que não existe essa mão de obra no país”, explicou o consultor.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SIDROLÂNDIA E MARACAJU
Com tecnologia de R$ 70 mil, produtor usa lavoura para apoiar Bolsonaro em Mato Grosso do Sul
BONITO - MS - MAIS ASFALTO EM RUAS
Asfalto está chegando na Rua das Esmeraldas, ela não estava incluída no projeto original em Bonito
MIRANDA - MS - INVESTIMENTOS DO GOVERNO DO MS
Governo do MS investe R$ 1,9 milhão na recuperação de ruas que estavam abandonadas em Miranda (MS)
BONITO - MS - LEVANTAMENTO DO FESTIVAL DE INV
BONITO (MS): Em levantamento, 84% do público que passou pelo Festival de Inverno eram do MS
CIDADES
Curso para Disseminadores da Educação Fiscal está com inscrições abertas
CIÊNCIA E TECNOLOGIA NO ESTADO
Divulgado resultado final de Programa que concede recursos para eventos técnico-científicos em MS
BONITO - MS - ATENÇÃO A TODOS
Decreto proíbe entulho de construção em ruas e calçadas em Bonito (MS)
FATALIDADE
Pecuarista de 78 anos morre pisoteado por boi em curral
REFLEXOS INDESEJADOS
Quase metade dos presos de MS são ligados ao tráfico
50%
Caixa oferta 158 imóveis com descontos para venda no Estado