Menu
mutantes
quinta, 21 de fevereiro de 2019
BONITO_PREFEITURA_FEVEREIRO_2019
Busca
ITALÍNEA DOURADOS

Safrinha de milho sofre com seca no Estado

27 Mai 2011 - 15h17Por Correio do Estado

Os produtores de milho da região da Grande Dourados estão em alerta com possibilidade real de perdas do milho safrinha depois de 20 dias de estiagem em praticamente todas as áreas agrícolas.

Os agricultores e a assistência técnica ainda não confirmam uma quebra no rendimento do grão, mas a preocupação é grande, senão chover em uma semana.

No vizinho Paraná, com o clima semelhante ao do sul de Mato Grosso do Sul, a seca já vem afetando a cultura e em algumas regiões, como a de Campo Mourão, agricultores calculam uma redução de 20% na produtividade.

Nesta safra, contrariando as previsões, os produtores da Grande Dourados apostaram no milho 2ª safra, estimulados pelos preços, tanto no mercado interno como no externo. E as chuvas de abril contribuíram para que investissem na cultura, a segunda em importância economia no sul do Estado, depois da soja.

Em Dourados, choveu apenas no inicio de maio com índice acumulado bastante baixo: 5,8 milimetros, conforme registro da Embrapa Agropecuaria Oeste. Em alguns municípios ocorreram chuvas localizadas recentemente, como em Laguna Carapã, beneficiando o milho.
Segundo o agrônomo Sérgio Luiz Miranda, a estiagem reduz o potencial produtivo do cereal.

A baixa umidade do solo pode comprometer a frutificação do milho. Por isso a ocorrência de precipitações é decisiva para o sucesso da colheita, que começa no final de junho e se estende em julho e inicio de agosto, conforme a época do plantio.

Somente no município de Dourados foram plantados 80 mil hectares de milho safrinha, sendo a produtividade media estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 3.600 quilos/ha. correspondendo a 60 sacas.

Em torno de 50% das lavouras da região estão em fase de formação de grãos quando a água é essencial para a formação da espiga boa comercialmente; as demais áreas estão em floração e em desenvolvimento.

Há indicativos meteorológicos de pancadas fracas somente na próxima semana.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GESTÃO PÚBLICA
Reinaldo Azambuja fala sobre desafios da nova gestão em entrevista à GloboNews
BONITO - MS - CONGRESSOS DE NETWORKING
Bonito (MS) receberá pelo menos 10 mil visitantes na baixa temporada em busca de networking em 2019
AGORA DEU MEDO
PMA captura cascavel de 1,3 metros em residência na Capital
GERAL
Em MS, 38 radares voltam a operar na BR-163 a partir da próxima semana
TEMPO E TEMPERATURA
Alerta: 24 cidades de MS estão com aviso de tempestade de perigo potencial
BONITO - MS - POLÍCIA
Vítima de 'estupro virtual' volta para casa e retoma rotina na escola em Bonito (MS)
GERAL
Sistema do Detran-MS continua fora do ar nesta quarta-feira
GERAL
Gabaritos do Enade 2018 já estão disponíveis no site do Inep
COTA ZERO
Deputados pedem que caça do jacaré seja liberada
POLÍCIA
Homem é preso, suspeito de exploração sexual de criança