Menu
KAGIVA
tera, 13 de novembro de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca
Bonito - Assistência Social

Reunião com Obras São José define bases para Convênio desse ano

Além do reajuste, o convênio também pactuará a inclusão de 04 prestadores de serviço, provenientes do Programa Frente Emergencial,

10 Jan 2012 - 16h21Por Luciana Garcia/Assessoria

O prefeito José Arthur Figueiredo reuniu-se na manhã desta terça-feira (10) com a diretoria da instituição Obras Sociais São José, entidade filantrópica sem fins lucrativos que presta  atendimento a idosos em situação de risco ou abandono em Bonito.  O encontro foi realizado para discutir as bases de renovação do convênio que será entre firmado entre a Prefeitura e a entidade em 2012.

“O que nós buscamos este ano é um aumento no valor do repasse já que a instituição enfrenta muitas dificuldades para manter o pleno funcionamento das suas atividades”, disse o presidente da entidade, Sami de Souza Mustafá, durante a reunião.

Da mesma forma, o assessor jurídico da entidade, Dr. Aderbal Lopes de Andrade, ressaltou o caráter humanitário do trabalho desenvolvido na instituição.

“O que nós pretendemos hoje é sensibilizar o coração dessa administração a fim de que através de um trabalho conjunto nós possamos melhorar ainda mais a qualidade do serviço que é prestado aos nossos idosos”, disse.

Em atendimento a essas solicitações o executivo determinou o aumento do repasse para as Obras Sociais São José, que em 2011 foram na ordem de R$ 33.396,00, para R$ 38.400 em 2012. Além do reajuste, o convênio também pactuará a inclusão de 04 prestadores de serviço, provenientes do Programa Frente Emergencial, que estarão à disposição da instituição inclusive nos finais de semana e feriados.

Ao comentar a concessão do reajuste, o prefeito declarou que é preciso atender indistintamente a todas as instituições que compõe a rede sócio-assistencial em Bonito e que 2012 será um ano de ajuste na contabilidade dos municípios de um modo geral.

“É claro que nós não fazemos tudo o que gostaríamos, mas fazemos tudo o que é possível e principalmente tudo o que a lei nos permite. Nós trabalhamos com todas as instituições assistenciais do município, as que atendem crianças, jovens, maternidade, idosos, enfim, nós precisamos destinar recursos a todas, e este ano, de uma forma muito mais ajustada, porque o índice de ICMS diminuiu, o significa que nós temos menos 400 mil nas contas do município. Menos recurso e muito mais trabalho, mais pessoas pra nós atendermos”, concluiu José Arthur.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - PONTO FACULTATIVO
Prefeitura terá ponto facultativo nesta sexta-feira (16) em Bonito (MS)
CIDADES
Após 10 anos, mulher ganha direito de ter sobrenome de 2 mães já falecidas
ALERTA
Imunização contra febre amarela deve ser feita de forma antecipada
OPERAÇÕES DA PF NO ESTADO
De quarta a domingo, PRF reforça fiscalização nas rodovias do Estado
EDUCAÇÃO
MS terá Centro Nacional de Mídias para implantação do Novo Ensino Médio
CIDADES
Vencedores do XIII Prêmio de Gestão Pública serão conhecidos no dia 19
ECONOMIA
Bandeira tarifária de energia é amarela em novembro
BONITO - MS - BALNEÁRIO MUNICIPAL
Prefeitura renova permanência de quiosques no Balneário Municipal em Bonito (MS)
CIDADES
Advogada que defenderia traficante Jarvis Pavão é executada em cidade paraguaia na fronteira com MS
CIDADES
Briga por carrinho de compras em supermercado termina com homem perfurado por chave de carro em MS