Menu
KAGIVA
terÁa, 11 de dezembro de 2018
ITAL√ćNEA DOURADOS
Busca
Bonito - Educação

Recursos do PAR garantem reforma de mais 3 escolas em Bonito

26 Dez 2011 - 13h59Por MS Notícias

A secretária de Estado de Educação, Maria Nilene Badeca, assinou ontem (21), em Brasília, um convênio de cerca de R$ 19 milhões para reforma e ampliação de 84 escolas da Rede Estadual de Ensino. O termo de compromisso foi firmado com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), órgão vinculado ao Ministério da Educação e será executado por meio do Plano de Ações Articuladas (PAR).

Ao todo são 77 unidades escolares que receberão recursos para ampliação de ambientes (biblioteca, sala de aula, refeitório, sala de tecnologia), além de outras sete escolas que receberão melhorias na sua infraestrutura física com reformas. O valor é de R$ 18.983.049,24.

"Com os investimentos serão construídas salas de tecnologia, laboratórios de informática, refeitórios, bibliotecas e mais salas de aulas nas unidades que precisarem de ampliação de vagas", destacou Badeca, após solenidade em que assinou o termo de compromisso em nome do governo de Mato Grosso do Sul.

“Este convênio e estas intervenções são importantes para a qualidade do ensino oferecido. Um exemplo: quando você constrói uma biblioteca, vai incentivar o aluno à leitura, com isso o trabalho pedagógico vai ser melhor nesta escola”, afirmou a secretária, completando que as reformas serão feitas nas unidades educacionais que realmente estão precisando para que tenham condições de oferecer estrutura física adequada aos alunos.

As escolas são dos municípios de Água Clara (1 escola); Amambai (2), Anastácio (1); Angélica (3); Antônio João (1); Aparecida do Taboado (2); Aquidauana (4); Aral Moreira (2); Bandeirantes (2); Bataguassu (3); Batayporã (1); Bela Vista (2); Bonito (3); Brasilândia (1); Caarapó (4); Campo Grande (13); Caracol (1); Cassilândia (1); Corumbá (3); Coxim (1); Deodápolis (1); Dourados (5); Jardim (2); Jateí (1); Ladário (1); Maracaju (1); Naviraí (3); Nioaque (1); Nova Alvorada do Sul (1); Nova Andradina (3); Paranaíba (1); Paranhos (1); Ponta Porã (1); Rio Verde de MT (1); São Gabriel do Oeste (1); Sete Quedas (1); Sidrolândia (1); Sonora (1); Terenos (2) e Três Lagoas (4).


PAR

O recurso foi obtido por meio do Plano de Ações Articuladas (PAR), que é o planejamento multidimensional da política de educação que os municípios e os Estados devem fazer, sendo que o PAR tem três etapas: o diagnóstico da realidade da educação e a elaboração do plano são as primeiras etapas e estão na esfera do município/Estado. A terceira etapa é a análise técnica, feita pela Secretaria de Educação Básica do Ministério da Educação e pelo FNDE. Depois da análise técnica, o município assina um termo de cooperação com o MEC, do qual constam os programas aprovados e classificados segundo a prioridade municipal.
 

Deixe seu Coment√°rio

Leia Também

ATENÇÃO A TODOS
Jovem lutadora russa morre eletrocutada após queda de iPhone no banho
CIÊNCIA E TECNOLOGIA
Atenção contribuinte: Sistema autorizador da NF-e valida novos códigos a partir de 2019
EDUCAÇÃO
Universidade abre 1.481 vagas para portadores de diploma
CIDADES
Operação que tem Aécio como alvo cumpre mandados em MS
CIDADES
Oficiais da PM de MS apontados como líderes da Máfia do Cigarro são condenados por corrupção
SABORES DO CERRADO
Frutas do cerrado: conheça as árvores que dão mais sabor ao nosso dia-a-dia
TEMPO E TEMPERATURA EM MS
2018 registra recordes de ac√ļmulo de chuva; em dezembro deve cair mais √°gua
BONITO - MS
Governador faz entregas de R$ 36 milh√Ķes em obras da MS-178 e habita√ß√£o em Bonito
TEMPO E TEMPERATURA
Previs√£o de altas temperaturas e baixa umidade do ar em MS
BONITO - MS - AUDI√äNCIA NA C√āMARA
Em audiência, Promotor alerta que se não resolver o 'Brejão' do Rio da Prata ele se acaba em 10 anos