Menu
KAGIVA
segunda, 22 de outubro de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca

Ponte Preta derruba o Corinthians no Pacaembu

10 Mar 2011 - 08h53Por R7

Invicta há nove jogos no Paulistão, a Ponte Preta entrou no gramado do Pacaembu nesta quarta-feira (9) disposta a atrapalhar a vida do líder Corinthians. E conseguiu, ironicamente, graças a um ex-jogador do Timão: Éverton Santos, autor do gol da vitória por 1 a 0.

O resultado, além de consolidar a boa fase da equipe campineira, foi responsável pela queda do último time invicto do Campeonato Paulista. A situação só não foi pior para o Timão porque o Santos bateu a Portuguesa por 3 a 0 e ficou a um gol de roubar a liderança do rival do Parque São Jorge pelo saldo.

Mesmo desfalcada de seu melhor jogador, Renatinho, dispensado em cima da hora da partida para acompanhar o nascimento da filha, o time campineiro mostrou boa estrutura tática e mereceu o resultado.

A partida começou bastante estudada, e a primeira chance de gol apareceu somente aos 8min. Liedson, artilheiro do campeonato, inverteu papéis com Paulinho e, de calcanhar, serviu o camisa 8, que chegou chutando forte, à direita da meta.

Truncada, a partida proporcionava poucos lances de emoção para a torcida. A da Ponte, por exemplo, vibrou apenas com dois chutes de longa distância do lateral João Paulo.

A do Corinthians ficou com o grito de gol preso na garganta em duas oportunidades: aos 25min, quando Liedson desviou chute de Dentinho e quase marcou; e aos 34min, com Dentinho mandando rente à trave após cruzamento de Morais.

Na saída para o intervalo, Fábio Santos deu a receita para furar o bloqueio ponte-pretano. 

- É um jogo de paciência.

Paciência precisou ter o goleiro Julio Cesar aos 3min para não xingar o capitão Alessandro, que tentou cortar um cruzamento vindo da direita e mandou a bola contra a própria trave, quase marcando um golaço a favor dos campineiros.

 

Alessandro voltou à cena aos 13min. O camisa 2 não conseguiu ganhar na força de Éverton Santos e viu o ex-corintiano acertar um bonito chute, no canto de Julio Cesar, que chegou a tocar na bola, mas não evitou o gol: 1 a 0.

Em desvantagem, Tite resolveu ousar, trocando os laterais Alessandro e Fábio Santos pelo meia peruano Cachito Ramírez e pelo atacante Willian, mas foi a Ponte quem continuou mais perigosa na partida, dando trabalho ao goleiro Julio Cesar.

Pouco inspirado no setor ofensivo, o Corinthians foi facilmente marcado pela zaga campineira e, mesmo acertando a trave aos 47min, com Dentinho, acabou deixando o campo amargando o merecido revés, segundo sob o comando do técnico Tite. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMPREGOS
MS tem mais de 2 mil vagas em concursos e salários de até R$ 11 mil
CIDADES
Discussão por xenofobia termina com baiano esfaqueado em MS
CINEMA
Com crítica política, animação brasileira é destaque em festival
GERAL
Para presidente da CBL, falta de leitura favorece notícias falsas
EDUCAÇÃO
Inscritos no Enem podem checar local de provas a partir de hoje
BONITO - MS - APROVADO NA CÂMARA
Câmara aprova projeto de proibição da taxa de religação de água pela Sanesul em Bonito (MS)
NOVELA DA GLOBO
Segundo Sol: Por Karola, Deborah Secco passa a tesoura no cabelão; veja o novo visual
MUNDO DA TV
Fábio Porchat pede demissão da Record
A FAZENDA 10 - ENTRETENIMENTO
A Fazenda 10: Rafael Ilha fala sobre uso de drogas e desabafa sobre 33 internações e as 9 overdoses
NOVELA DA GLOBO - SEGUNDO SOL
Segundo Sol: Karola e Remy se juntam, e impedem Laureta de matar Beto Falcão