Menu
mutantes
segunda, 25 de maro de 2019
ASSOMASUL MARÇO
Busca
ÁGUAS DE BONITO
BONITO - MS - CASO DE POLÍCIA

Polícia Militar prende homem que espancou companheira na frente dos filhos menores em Bonito (MS)

Polícia Militar prende homem que espancou companheira na frente dos filhos menores em Bonito (MS)

16 Mar 2019 - 13h29Por BONITO INFORMA / REDAÇÃO

BONITO - MS - Nesse sábado (16) policiais militares da 1ª Companhia Independente de Policia Militar de Bonito, foram acionados para atender uma ocorrência na vila Donaria, após vizinhos ouvirem briga de um casal. 

O fato em questão aconteceu quando o autor de 24 anos chegou à sua casa pela madrugada, embriagado, e que sem motivo algum começou a espancar sua esposa de 25 anos com um cinto, causando lesões em todo o corpo, violência esta praticada na presença de seus filhos. 

Portanto, os policiais constatando o crime de violência doméstica deu voz de prisão ao autor, sendo que ele resistindo à prisão, investiu contra a equipe policial, lesionando um dos policiais, que após esse fato o autor foi imobilizado.

E por fim o autor foi preso e encaminhado para delegacia de policia civil para as providencias que o caso requer.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Edital do Enem é divulgado; taxa de inscrição é de R$ 85
EMPREGOS E CONCURSOS
Inscrições de concurso do Conselho Regional de Educação Física terminam dia 15
EDUCAÇÃO
Inscrições do Encceja começam em maio; provas serão aplicadas em agosto
TEMPO E TEMPERATURA
Semana começa com céu aberto e calor de até 37°C em MS
MEIO AMBIENTE
Projeto nos municípios da Bacia do Taquari proporciona conservação de 8,6 mil hectares de solo
ECONOMIA
Com ações do Estado, Porto Murtinho se tornará o maior polo exportador de MS
BONITO - MS - LUTO
Bonito (MS) perde Seu Ademarzinho e prefeitura divulga nota de pesar
TRAGÉDIA FAMILIAR
Morador de Maracaju comete suicídio com tiro na cabeça em confraternização familiar em Rio Brilhante
Cidades
Homem é assassinado a pauladas ao matar e comer galo de vizinho em cidade do MS
GREVE VINDO AÍ
Monitoramento mostra que caminhoneiros já se mobilizam para nova paralisação