Menu
mutantes
quinta, 21 de maro de 2019
ASSOMASUL MARÇO
Busca
ITALÍNEA DOURADOS
Exploração sexual

Polícia detém empresário e investiga a existência de uma rede de pedofilia em Bonito

16 Jun 2011 - 14h23Por Boni Miranda - Bonito Informa

Informações ainda não confirmadas dão conta de que a Polícia Civil de Bonito deteve no final da tarde de ontem (15), na cidade, um empresário local que pode estar envolvido com uma rede de pedofilia.

Ele seria responsável pela exploração de crianças e adolescentes com idades que variam entre 12 e 17 anos.

As suspeitas são de que o empresário, ex-fotógrafo profissional, detido juntamente com 6 menores do sexo feminino, manteria um estúdio para fotografar as crianças e adolescentes, distribuindo posteriormente as fotos através de redes nacionais e internacionais ligadas á exploração da pedofilia.

O empresário foi liberado ainda ontem e não está preso.

O caso está sendo acompanhado pelo Conselho Tutelar de Bonito, cujos integrantes não querem se manifestar sob a alegação de que a ocorrência ainda se encontra em fase de investigação.

Outras informações apontam ainda que o acusado já teve processos relacionados ao mesmo tipo de delito.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LAVA JATO
#AGORA: Michel Temer é preso pela Lava Jato; PF faz buscas por Moreira Franco
BONITO - MS - INTERDITADOS
Forte chuva interdita balneários em Bonito (MS)
BONITO - MS - EM ESTADO DE ATENÇÃO
Imasul e Defesa Civil colocam Bonito (MS) em estado de atenção
EDUCAÇÃO E TECNOLOGIA
Após criar drone, estudante de MS é selecionado para evento no Japão
CIDADES
Motorista tomba caminhão carregado de frutas ao desviar de buraco na MS-276
ESPORTES
Aquidauanense é punido, perde pontos e muda confrontos no Estadual de futebol
LOTERIA
Aposta de Salvador faturou mais de R$ 32 milhões na Mega-Sena
CUIDADOS
Outono tem início e especialistas do Detran-MS alertam sobre cuidados para dirigir com neblina/chuva
ESPORTES
Fórum de Políticas Públicas do Esporte reunirá gestores e representantes da área esportiva do MS
TECNOLOGIA
Com versão eletrônica pioneira no país, Diário Oficial comemora 10 mil edições em 2019