Menu
ITALÍNEA DOURADOS
tera, 13 de novembro de 2018
KAGIVA
Busca
MS - Policial

Polícia de MG vem a MS para ouvir traficante Nem sobre caso Eliza Samudio

Líder do tráfico na Rocinha ajudaria a executar pessoas envolvidas no processo

31 Jan 2012 - 08h59Por Campograndenews

Policiais civis de Minas Gerais devem vir a Mato Grosso dos Sul nos próximos dias para ouvir o traficante Antônio Bonfim Lopes, o Nem, sobre a denúncia de participação em um plano para matar pessoas envolvidas no caso Eliza Samudio.

Nem era o líder do tráfico na favela da Rocinha, no Rio de Janeiro, e está preso desde 19 de novembro no presídio federal de Campo Grande. De acordo com a denúncia de um presidiário, o ex-goleiro do Flamengo,Bruno Fernandes, e Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, contariam com a ajuda do traficante da Rocinha para executar pessoas envolvidas no processo.

Conforme o portal G1, os alvos eram a juíza Marixa Fabiane Lopes Rodrigues, que preside o processo; o delegado Edson Moreira, chefe do inquérito; o presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, deputado Durval Ângelo; o ex-advogado do Bruno, Ércio Quaresma; e o advogado José Arteiro, que defende a família de Eliza Samudio.

O autor da denúncia está detido na Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Ele teria ouvido uma conversa entre Bruno e Bola - atualmente preso no complexo de São Joaquim de Bicas, na Grande BH -, em que os dois arquitetariam o plano e citariam o nome de Nem como articulador das mortes.

O goleiro Bruno Fernandes e mais sete réus vão a júri popular no processo sobre o desaparecimento e morte de Eliza. Para a polícia, ela foi morta em junho de 2010 em Belo Horizonte, e o corpo nunca foi encontrado. Mesmo assim a polícia conclui o inquérito com base em provas de que ela foi torturada e morta a mando do goleiro.

Após um relacionamento com o goleiro, Eliza deu à luz um menino em fevereiro de 2010. Ela alegava que o atleta era o pai da criança. O menino está com a avó, que mora em Anhanduí, distrito de Campo Grande.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÕES DO GOVENO DO MS
A pedido de Reinaldo, recuperação da principal ferrovia de MS será prioridade de Bolsonaro
CIDADES
Operação contra tráfico de drogas em escolas prende cinco em MS
GERAL
Detran-MS retoma atendimento ao público através do Call Center
EDUCAÇÃO
Abertas as inscrições para o Curso Normal Médio Intercultural Indígena Povos do Pantanal
BONITO - MS - PONTO FACULTATIVO
Prefeitura terá ponto facultativo nesta sexta-feira (16) em Bonito (MS)
CIDADES
Após 10 anos, mulher ganha direito de ter sobrenome de 2 mães já falecidas
ALERTA
Imunização contra febre amarela deve ser feita de forma antecipada
OPERAÇÕES DA PF NO ESTADO
De quarta a domingo, PRF reforça fiscalização nas rodovias do Estado
EDUCAÇÃO
MS terá Centro Nacional de Mídias para implantação do Novo Ensino Médio
CIDADES
Vencedores do XIII Prêmio de Gestão Pública serão conhecidos no dia 19