Menu
domingo, 15 de setembro de 2019
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO
BONITO - MS - MULTA SALGADA

PMA autua infrator em R$ 224 mil por desmatamento exploração ilegal de madeira e incêndio em Bonito

PMA autua infrator em R$ 224 mil por desmatamento exploração ilegal de madeira e incêndio em Bonito

5 Set 2019 - 19h16Por BONITO INFORMA / REDAÇÃO

BONITO - MS - Policiais Militares Ambientais de Bonito realizaram fiscalização nas propriedades rurais no município de Bonito e autuaram ontem (4) um homem de 55 anos por desmatamento, exploração de madeira e por provocar incêndio em vegetação nativa e pastagem.

O incêndio que fora utilizado na propriedade adentrou uma fazenda vizinha e perfez um total de 224 hectares danificadas medidas em GPS e imagens de apoio de drone.  Na propriedade onde se iniciou o fogo foram danificados 35 hectares de vegetação nativa e o fogo invadiu a fazenda vizinha, incendiando mais 189 hectares de pastagem e vegetação nativa. Na área de pastagem havia leira com árvores que ainda queimavam no momento da fiscalização.

Foi observado durante a fiscalização, que antes do incêndio, houve a supressão de árvores sem autorização ambiental e posterior gradeamento da terra, sendo encontradas no local 20 toras de madeira das essências angico, capitão e faveiro.

A PMA efetuou auto de infração administrativa e aplicou multa de R$ R$ 189.000,00 referente ao incêndio de 189 hectares de pastagem e mais R$ 35.000,00 referente ao desmatamento e incêndio de área agropastoril em 35 hectares.

O infrator, residente em Guia Lopes da Laguna, responderá por crimes ambientais e poderá pegar pena de dois a quatro anos de reclusão e multa pelo crime de incêndio em mata ou floresta; de três meses a um ano pelo desmatamento ilegal e mais de seis meses a um ano pela exploração irregular de madeira.

ALERTA - QUEIMA PROIBIDA

Nesse período mais prolongado de estiagem, a Polícia Militar Ambiental realiza várias ações no sentido de prevenir os incêndios. Apesar dos esforços e das orientações, inclusive pela mídia, em relação ao problema, algumas pessoas insistem com esse costume, que é bastante prejudicial ao ambiente e à saúde da população.

Os órgãos ambientais não expedem licença para a queima controlada em Mato Grosso do Sul no período de 01 de julho a 30 de setembro, estendendo-se até 31 de outubro no Pantanal. Além disso, nenhum município autoriza realização de queima em perímetro urbano em qualquer período.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASO DE POLÍCIA
Catador de reciclável recebe mochila com bebê congelado dentro
LUTO NA MÚSICA
Em MS, Cantor sertanejo morre após carro bater em árvore em rodovia
MIRANDA E BODOQUENA
Governo do Estado entrega kits esportivos para 6 escolas em Miranda e maquinários em Bodoquena
FAMOSOS
David Brazil causa ao expor bumbum de Anitta sem ela saber
A MULTA FOI POUCO
PMA autua homem por matar filhotinho envenenado em MS
BONITO - MS - DOENÇA DO SÉCULO
ESF Central realiza palestra sobre prevenção ao suicídio em Bonito (MS)
AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Azambuja diz que todas as escolas estaduais serão reformadas durante encontro com prefeitos
COMBATE AO INCÊNDIO NO MS
Corpo de Bombeiros reforça efetivo no combate às queimadas no Pantanal e Cerrado
BONITO - MS - ADOTE O SEU MELHOR AMIGO
CCZ disponibiliza 10 cães para adoção em Bonito (MS)
BONITO - MS - PROTOCOLADO
Prefeito e Vereador pede vinda da Carreta da Justiça e realização de Casamento Coletivo em Bonito