Menu
BONITO CÂMARA OUTUBRO 2019
segunda, 21 de outubro de 2019
BANNER ANNA
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO
BONITO - MS - POLÍCIA

PMA autua 4 pescadores por pescar em local proibido e utilização de método de pesca ilegal em Bonito

PMA autua 4 pescadores por pescar em local proibido e utilização de método de pesca ilegal em Bonito

8 Out 2019 - 11h43Por BONITO INFORMA / REDAÇÃO

Uma equipe de Policiais Militares Ambientais de Campo realizava fiscalização no rio Miranda, no município de Bonito, durante a operação Pré-piracema, desde sábado (5) chegando hoje (8) à cidade para troca de serviço e autuou, quatro pescadores por pescar em local proibido (corredeira) e por pescar utilizando método proibido (lambada ou chasco).

Os Policiais ao chegar no local denominado Corredeira Santa Helena surpreenderam dois homens praticando a pesca predatória. Com os autuados, de 36 e 43 anos, residentes em Porto Feliz e Cerquilho (SP), foram apreendidos dois molinetes com varas. Eles iniciavam a pescaria e ainda não tinha capturado nenhum pescado. Cada infrator foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 700,00.

Felizmente não existia nenhum cardume no local, pois é alta a vulnerabilidade dos cardumes nesses locais dos rios, por essa razão as normas proíbem a pesca a 200 metros a montante e a jusante das cachoeiras e corredeiras.

Ainda no município de Bonito, em outro trecho do rio, dois outros pescadores foram surpreendidos pescando com petrecho do tipo garateia, em uma modalidade denominada “lambada”, ou “chasco”, sendo este método de pesca proibido em Mato Grosso do Sul. Eles iniciavam a pescaria e ainda não tinha capturado nenhum pescado. Com os autuados, de 44 e 53 anos, residentes em Bonito, foram apreendidos dois molinetes com varas. Cada infrator foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 700,00.

Todos os infratores responderão por crime de pesca predatória, com pena prevista de um a três anos de detenção.

LAMBADA, COM USO DE GARATÉIA

A pesca com o petrecho garateia não é proibida, mas o método utilizado. Esta forma de pesca é executada normalmente com garateias e chumbadas pesadas. Uma ou várias garateias na mesma linha são lançadas ao meio do cardume. O peixe é fisgado e arrastado para à superfície pelas mais diversas partes do corpo. A proibição do método se dá justamente, em razão de, muitas vezes, os anzóis causarem ferimentos e não haver a captura, com a possibilidade, inclusive, de ferir peixes que não deveriam ser capturados (espécies protegidas, ou em tamanho inferior ao permitido). O peixe ferido fica exposto a alto estresse, podendo adoecer, ou ficar mais sujeito a predadores, devido às dificuldades de escape, bem como a atração gerada pela lesão (QUEIROZ, 2014).

Deixe seu Comentário

Leia Também

CHUVA
Já separou o guarda-chuva? semana começa chuvosa em Bonito
POLÍTICA EM REDE SOCIAL
'Picareta' e 'Pepa': Eduardo Bolsonaro e Joice Hasselmann se ofendem nas redes sociais
ABSURSO - #POLÍCIA
Neto é preso após agredir avó de 73 anos com pedrada e pedaço de pau em MS
BORA TRABALHAR
JBS realiza seleção para 80 oportunidades de trabalho em MS nesta segunda-feira
EM ESTRADA VICINAL
Comboio é flagrado com contrabando de essência de narguilé a roupas íntimas entre Maracaju e Bonito
CHUVA E DESTRUIÇÃO
Chuva de uma hora e meia derruba 31 árvores e arrasta motociclista em MS
POR POUCO
Jovem cai de altura de 20 metros de cachoeira e sobrevive
OPORTUNIDADE NO MS
Concursos públicos com mais de 300 vagas serão realizados em 4 municípios de MS
BONITO - MS - ENCONTRO COM MINISTRO
Prefeito encontrou-se com Ministro da Saúde nesta sexta-feira em Bonito (MS)
BONITO - MS - FOTOS INAUGURAÇÃO
Confira as FOTOS da Inauguração da Rural Agro Soluções em Bonito (MS)