POSTO PRAÇA
Bonito Informa - Notícias de Bonito e região
Bonito, 20 de maio de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
KAGIVA
14 de fevereiro de 2018 08h11

Piscicultura avança no Estado, mas setor precisa de indústrias

DA REDAÇÃO

Mato Grosso do Sul é o 9º produtor nacional de peixes, segundo levantamento da Associação Brasileira de Piscicultura (Peixe BR) e totaliza 1.200 produtores atuando na atividade em 3.200 hectares de lâminas de água, com produção média de 24,1 mil toneladas ao ano. Apesar de o Estado ser avaliado com alto potencial para a atividade, em razão do clima, da extensão territorial e da diversidade de espécies nativas, o maior gargalo enfrentado pelos produtores locais ainda é a falta de mercado agroindustrial que absorva a produção.

Atualmente, a maior expectativa se concentra na construção de um frigorífico localizado no município de Selvíria, região leste do Estado, com previsão de conclusão em 2019 e que planeja construir 500 hectares de lâminas e capacidade de processamento de 10 mil toneladas de peixe ao ano. Em maio de 2017, a empresa recebeu aprovação da outorga do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), para explorar o potencial hídrico da região por 30 anos com foco na produção de
tilápias.

De acordo com o secretário de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), Jaime Verruck, os investimentos feitos pelo frigorífico de Selvíria (Tilabras) e de Aparecida do Taboado (GeneSeas) devem impulsionar a produção estadual, elevando a posição produtiva do Estado. “Em menos de dois anos de atividade, a agroindústria de Aparecida do Taboado já produz três mil toneladas diárias de tilápia, que são exportadas para os Estados Unidos, e a tendência é de que o mercado cresça ainda mais com o pleno funcionamento da Tilabras”, detalha.

Comentários
Veja Também
bonito_celular
Últimas Notícias
  
TASS_300
ANÚNCIOS
dothCom © Copyright BonitoInforma - Todos os Direitos Reservados.