Menu
KAGIVA
quarta, 19 de setembro de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca

Pesquisadores descobrem por acaso super-repelente de insetos

10 Mai 2011 - 15h43Por Folha.com

Pesquisadores da Universidade Vanderbilt (EUA) descobriram acidentalmente uma nova classe de repelentes de insetos milhares de vezes mais eficaz que a maioria dos artigos vendidos no mercado.

Liderados pelo professor de ciências biológicas e farmacologia Laurence Zwiebel, na Universidade de Nashville (Tennessee), os cientistas descobriram que o repelente é eficaz não só contra os mosquitos mas contra todo tipo de insetos --de moscas a traças e formigas.

"Não foi como se estivéssemos procurando isso", comentou David Rinker, um estudante que realizou os experimentos junto com outros alunos. "Trata-se de uma anomalia que notamos durante os testes."

É muito cedo para determinar se o composto pode atuar como base para um produto comercial mas, segundo os pesquisadores, é o primeiro de sua classe e poderia ser usado para o desenvolvimento de produtos similares com características apropriadas para a venda ao público em geral.

A descoberta surgiu como parte de um projeto interdisciplinar de pesquisa para o desenvolvimento de novos métodos no controle da propagação da malária. Mais especificamente, a natureza do sentido do olfato dos insetos.

Embora o sistema olfativo do mosquito esteja situado em suas antenas, uma década atrás os biólogos pensavam que funcionava no nível molecular da mesma maneira que ocorre nos mamíferos.

Mas, recentemente, os cientistas viram que o sistema olfativo dos mosquitos e outros insetos é fundamentalmente diferente.

Após muitos testes com técnicas de engenharia genética, chegou-se à primeira molécula que estimula diretamente o correceptor olfativo, a VUAA1.

A Universidade Vanderbilt já iniciou os trâmites para obter a patente desta classe de compostos e negocia com empresas interessadas na produção e comercialização dos compostos, com um enfoque especial no desenvolvimento de produtos que reduzam a propagação da malária no mundo.

O estudo será publicado nesta segunda-feira na revista PNAS ("Proceedings" of the National Academy of Sciences).

Deixe seu Comentário

Leia Também

TURISMO
9º MATURISHOW será de 20 a 23 de setembro em Bonito
DOURADOS - DESUMANIDADE
Após acidente, pessoas ignoram vítima fatal e roubam carga de abacaxi em Dourados
BABADO DOS FAMOSOS
Anitta recebe ameaças ao seguir amiga nas redes sociais que vota em Jair Bolsonaro
BONITO - MS - FOTOS SESSÃO DA CÂMARA
Confira as fotos da sessão da Câmara desta terça-feira em Bonito (MS)
SEGUNDO O IBGE
Falhas no saneamento causam surtos de doenças em 26 cidades de MS
GOVERNO DO ESTADO DO MS
Governo de MS abrirá 10 concursos públicos para PM e Bombeiro
CIDADES
Fotógrafo que perdeu voo por atraso guarda registros há 44 anos da maior tragédia aérea de MS
TECNOLOGIA
Instagram lança botão para compras de usuários pelo stories da rede social
POLÍTICA
Com renúncias e mudanças, disputa eleitoral em MS envolve 509 candidatos
CIDADES
Polícia prende quadrilha que roubava caminhões e levava para o Paraguai