Menu
mutantes
domingo, 17 de fevereiro de 2019
BONITO_PREFEITURA_FEVEREIRO_2019
Busca
UNIPAR_PC

Partidos trabalham para ocupar até 117 novas cadeiras de vereador em 2012

26 Set 2011 - 17h33Por Vinícius Squinelo/Campo Grande News

O aumento do número de vereadores em Mato Grosso do Sul nas próximas eleições já mexe com as expectativas partidárias. Já nas próximas eleições municipais, em 2012, até 117 novas vagas parlamentares podem ser “abertas”.

“São autorizadas, pela faixa populacional, o aumento de até 117 vereadores em 37 cidades do Estado. Mas cada Câmara tem autoridade e autonomia de aprovar ou não o aumento, através de mudança da lei orgânica”, explicou o vereador de Jaraguari e presidente da União das Câmaras de Vereadores de MS, Edilson Seiko Miahira (PSDB).

Somente na Capital oito novas cadeiras de vereadores serão instaladas no plenário da Câmara Municipal. Em Campo Grande, a população deve votar em 29 vereadores no próximo ano.

Segunda maior cidade de MS, Dourados acompanha a Capital. Na cidade da região Sul serão criadas sete novas vagas parlamentares, e a Câmara de Dourados terá 19 vereadores tomando posse em 2013.

Mas, levando em conta as decisões municipais, as 37 Câmaras Municipais não devem aprovar a criação do total de 117 vagas. Dourados, por exemplo, poderia, pela população, ter aumentado o número de vereadores para até 21.

Terceira maior cidade do Estado, Corumbá nada contra a maré. Na cidade pantaneira, os vereadores optaram por manter o número de 15 parlamentares, que serão eleitos na próxima eleição.

Mesmo com o aumento de vereadores em vários municípios, o repasse para as Câmaras não devem sofrer aumentos. “O repasse do Executivo fica o mesmo, e as Casas de Lei vão ter que se adaptarem e adequarem”, afirmou Seiko.

O aumento do número de vereadores, de acordo com as faixas populacionais de cada município foi determinada pela PEC (Proposta de Emenda Constitucional) dos Vereadores, a PEC 58, aprovada em setembro de 2009.

A proposta previa a retroatividade da validade da lei, porém ao STF (Supremo Tribunal Federal), considerou inconstitucional, os artigos que dariam posse imediata aos suplentes de vereadores, eleitos na última eleição municipal. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS - COLISÃO MATOU OS DOIS
Em Dourados, VÍDEO mostra colisão frontal entre motos que matou dois, assista
BONITO - MS - NOVO HORÁRIO
Com o fim do horário de verão Balneário tem novo horário de funcionamento em Bonito (MS)
BONITO - MS - REIVINDICAÇÃO
Meio Ambiente pede mais 10 policiais e 3 viaturas para PMA em Bonito (MS)
MARACAJU - SEGURANÇA
Em Maracaju, Operação Petra cumpre 18 mandados de busca e apreensão e prende três pessoas
AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Na fronteira, Reinaldo entrega R$ 1,4 milhão em equipamentos agrícolas
POLÍCIA
Homem é preso em MS por estuprar crianças, filmar e divulgar vídeos
EMPREENDEDORISMO
Seleção oferecerá consultoria gratuita para 200 mulheres em MS
MEIO AMBIENTE
Em 15 dias, polícia ambiental capturou 8 cobras em residências de MS
POLÍCIA
Militares rodoviários são presos pelo Bope com dinheiro de propina em MS
GERAL
Campanha de fiscalização vai vistoriar quase dois mil veículos do sistema intermunicipal