Menu
ASSOMASUL MARÇO
sexta, 22 de maro de 2019
mutantes
Busca
ITALÍNEA DOURADOS
GERAL

Paraguai suspende entrada de carretas bitrens brasileiros

Argumento é impedir 'concorrência desleal para caminhoneiros locais'

8 Jan 2019 - 17h41Por DA REDAÇÃO

O Ministério de Obras Públicas e Comunicações do Paraguai suspendeu nesta segunda-feira (7) a entrada de carretas bitrens brasileiras no país. A decisão foi comunicada após uma reunião realizada com membros da Federação dos Caminhoneiros do Paraguai. A rota 5, é a principal rodovia das exportações de soja brasileiras que liga Ponta Porã (MS) até o Porto de Concepción, a 220 quilômetros da fronteira.

O ministro Arnoldo Wiens revogou uma resolução que autorizava a circulação dos bitrens brasileiros na Rota Nacional 5 até o porto da cidade de Concepción.

O ministro ainda informou que, a partir de agora, será criada uma mesa de diálogo com todos os representantes do setor para articular uma política de transportes para o país.

Após a reunião, o presidente da Federação de Caminhoneiros do país vizinho, Angel Zaracho, disse que com essa medida, o Governo cumpriu sua promessa de anular a Resolução 74 que permitiu a entrada desse tipo de veículo de grande porte no país, gerando assim uma "concorrência desleal para caminhoneiros locais".

O governo de Mato Grosso do Sul emitiu uma nota sobre o caso e informou que na época foi feito um acordo com o governo paraguaio para que as carretas bitrens pudessem operar na rota Pedro Juan Cabellero até Concepcion, pela Ruta 5.

A suspensão, seja por qualquer motivo, questão de transporte local ou questão de estrutura de rodovias, torna praticamente inviável a exportação de soja por Concepcion, segundo o secretário de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar de Mato Grosso do Sul, Jaime Verruck.

O governo do estado ainda informou que vai entrar em contato com o governo paraguaio, para discutir o porquê dessa proibição junto com empresas de transportes.

G1 entrou em contato com a Agência Nacional de Transportes Terrestre pedindo um posicionamento do caso quanto a decisão do governo paraguaio. Até a publicação desta matéria não obtivemos resposta.

 

Negociações

 

De acordo com o presidente do Sindicato das Empresas de Transporte Rodoviário de Cargas e Logística de Mato Grosso do Sul (Setlog/MS), Claudio Cavol, a resolução que autorizava a circulação dos bitrens brasileiros na Rota Nacional 5, foi editada e suspensa pelo ex-presidente Horacio Cartes após uma greve dos caminhoneiros que ocorreu no início de 2017.

Segundo Cavol, o então governo suspendeu a entrada das bitrens brasileiras por um ano até a realização de novos estudos. O atual presidente, Mario Abdo Benítez anulou a resolução em definitivo. Cavol ainda explica que essa decisão não irá prejudicar as exportações sul-mato-grossense, já que essas foram pequenas no ano de 2017, o que totaliza em torno de 50 caminhões de soja.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
PM do Estado por meio do BOPE lançará edital para 2° Curso de Especialização em Negociação Policial
JUSTIÇA
Plenário do STF mantém exigências para porte de arma por juízes
GERAL
Por decreto, Azambuja altera programa de incentivos fiscais a produtores de MS
ALERTA
Mesmo sem chuva, nível no Rio Miranda sobe e alerta é mantido
CONTA DE LUZ
Conta de luz pode ter aumento de 15% a partir de abril em MS
EMPREGOS E CONCURSOS
Marinha abre concurso com 54 vagas e salários de até R$ 11 mil
GERAL
Ampliação de linhões de energia em MS vai favorecer atração de indústrias
OPORTUNIDADES
Lançamento de programa busca integrar usuários da assistência social ao mundo trabalho
LOTERIA
Aposta de Salvador faturou mais de R$ 32 milhões na Mega-Sena
CUIDADOS
Outono tem início e especialistas do Detran-MS alertam sobre cuidados para dirigir com neblina/chuva