Menu
ITALÍNEA DOURADOS
domingo, 9 de dezembro de 2018
KAGIVA
Busca

Palmeiras vence o Coxa mas está fora da Copa do Brasil

12 Mai 2011 - 07h09Por Rafael Henrique/BonitoInforma

Não adiantou… O Palmeiras venceu o Coritiba por 2 a 0 na noite desta quarta-feira [11], no Pacaembu, mas não conseguiu reverter o placar do primeiro jogo no Paraná, 6 a 0. O resultado classificou o Coxa para a semifinal da Copa do Brasil.

A vitória palmeirense serviu pelo menos para acabar com a invencibilidade do Coritiba, que não perdia a 24 jogos consecutivos. O time de Felipão agora se concentra no Brasileirão.

O jogo foi marcado pelo protesto da torcida Alviverde que boicotaram a partida e estenderam faixas de protesto na frente do Pacaembu. O ônibus da equipe foi apedrejado antes de chegar ao estádio.

A torcida compareceu num pequeno número para prestigiar o jogo morno dentre as duas agremiações. Quase sete mil pessoas compareceram ao estádio.

Os gols da partida foram assinalados por Emerson [contra] e Marcos Assunção.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÕES DA G.M DE BONITO
Guarda Municipal de Bonito prende condutor embriagado em flagrante
AÇÕES DA GUARDA MUNICIPAL DE BONITO
Menores são presos por estarem destruindo o patrimônio público em Bonito
CONCURSOS
EDITAL da Polícia Militar abre 120 vagas com salário de R$ 5.769,42
TECNOLOGIA - ANDROIDS
Estes 22 apps detonam a bateria de milhões de Androids; veja a lista
BONITO - MS - NO JAPÃO - MMA
Bonitenses Sidy Rocha e a Edna Trakinas lutam neste domingo em Tokyo no Japão
BONITO - MS - AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Governador entrega na terça-feira mais de R$ 36 milhões em obras em Bonito (MS)
DOR E TRISTEZA
Gabrielly começou a ser agredida por colegas após presentear professora, diz família
GOVERNADOR DO RJ PRESO EM OPERAÇÃO
Pezão participa de hasteamento da bandeira em presídio de Niterói
BONITO - MS - EDUCAÇÃO INFANTIL
Bonito (MS) inova na educação infantil e terá jornada integral e parcial na Rede Municipal de Ensino
EM CIDADE DO MS - CRIME
Em MS, Homens são mortos com requintes de crueldade e polícia suspeita de latrocínio