Menu
ITALÍNEA DOURADOS
quinta, 18 de outubro de 2018
KAGIVA
Busca

Oposição divulgará nomes de parlamentares que obstruírem investigação sobre corrupção

11 Ago 2011 - 16h05Por Agência Brasil

 oposição adotará, a partir de agora, a estratégia de expor na internet e em veículos de comunicação os nomes de deputados e senadores que estão obstruindo as investigações, pelo Congresso, de denúncias de corrupção em ministérios e órgãos públicos da administração indireta. Hoje (11), após reunião, PSDB, Democratas, PPS e P-SOL decidiram iniciar a coleta de assinaturas para instalar uma comissão parlamentar mista de inquérito (CPMI) em seis ministérios e cinco instituições públicas. Serão divulgados também os nomes de quem colaborar para a instalação da CPMI.

“Vamos coletar assinaturas e exibir ao Brasil, pela internet e em meios de comunicação, quem quer de verdade a faxina na administração [pública] e quem é que quer falar só da boca para fora, por isso a divulgação na internet. E que parlamentares de que partido assinaram”, disse o presidente do DEM, José Agripino Maia (RN). Ele negou que a estratégia seja “um mecanismo de pressão” para que aliados insatisfeitos do governo mas, sim, “um mecanismo de clareza de procedimentos”.

A oposição aposta na adesão ao requerimento da CPMI da Corrupção, como é chamada pelos partidos, de deputados e senadores insatisfeitos com os episódios que pertencem a partidos apontados pelas denúncias, como o PR, e que não concordam com generalizações de culpa.

“Já conversamos com diversos parlamentares da base do governo, muitos estão incomodados porque não querem ser responsabilizados por erros cometidos pelo governo e muitos estão dispostos a discutir a assinatura da CPMI”, disse o líder do DEM na Câmara, Antonio Carlos Magalhães Neto (BA). Agora, acrescentou ele, a oposição vai procurar “um a um” desses deputados e senadores para colher as assinaturas necessárias à instalação da CPMI.

Pelo requerimento, seriam investigadas as denúncias de corrupção nos ministérios dos Transportes, Cidades, Agricultura, Reforma Agrária, Trabalho e Turismo. A oposição também quer apurar denúncias no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), na Engenharia, Construções e Ferrovias S.A. (Valec); no Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra); na Companhia Nacional de Abastecimento (Conab); além da Agência Nacional de Petróleo (ANP).

Deixe seu Comentário

Leia Também

MELHOR SALÁRIO É DO MS
Fetems confirma: Reinaldo paga o melhor salário de professor do Brasil
NO RIO MIRANDA - MULTA E APREENSÃO
PMA prende e autua em R$ 17 mil oito turistas paulistas pescando com redes e tarrafas no Rio Miranda
BONITO - MS - TESTE EM AEROPORTO
Aeroporto terá testes durante Seminário Nacional de Perícia em BONITO (MS)
ENTRETENIMENTO
FAZENDA 10: Dívida de Perlla com ex-empresário ultrapassa R$ 1 milhão
A FAZENDA 10 - ENTRETENIMENTO
'Vaza' passado cabeludo de Fernanda Lacerda e Léo Stronda fora da Fazenda
A FAZENDA 10 - FOGO NO FENO
Mulher de Rafael Ilha detona Gabi Prado e dispara contra peoa: 'Deve sofrer de alguma doença'
RETA FINAL - NOVELA DA GLOBO
Beto confronta Karola: 'Você roubou a vida de outra mulher' em Segundo Sol
OPERAÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL
Temer recebeu R$ 5,9 mi em propinas do setor portuário, diz PF
BONITO - MS - RESULTADO DO CONCURSO
Confira os aprovados no concurso público da Câmara em BONITO (MS)
AÇÕES DO GOVENO DO MS
Em quatro anos, governo de MS investe R$ 265 milhões em Corumbá