Menu
ITALÍNEA DOURADOS
quarta, 12 de dezembro de 2018
KAGIVA
Busca
UNIPAR_PC
Internacional

ONG oferece 25 mil euros a quem ajudar a capturar responsáveis pelo Holocausto

15 Dez 2011 - 09h00

 A organização não governamental (ONG) responsável pelo Centro Simon Wiesenthal, cuja sede fica em Los Angeles, nos Estados Unidos, lançou hoje (15), na Alemanha, uma campanha internacional para capturar os últimos responsáveis pelo Holocausto [que ocorreu durante a 2ª Guerra Mundial, de 1939 a 1945, quando judeus, ciganos e homossexuais foram as principais vítimas].

A estimativa é que existam pelo menos 40 pessoas que podem ser capturadas e estão entre os suspeitos de participação nas ações nazistas. O centro ofereceu 25 mil euros de recompensa por qualquer informação que ajude a capturar essas pessoas - implicadas nos crimes cometidos durante a guerra.

“A marcha do tempo não diminui em nada a culpa dos assassinos”, disse o diretor regional do centro, Efraim Zuroff. “A idade não deve servir de proteção para os massacres. Cada uma das vítimas merece o esforço para que sejam encontrados seus carrascos”, acrescentou ele, lembrando que os sobreviventes estão com idade avançada, mas não devem ser poupados da Justiça.

De acordo com Zuroff, a condenação em maio do ex-guarda nazista John Demjanjuk, de 91 anos, representa um precedente judicial que poderá levar a novos processos criminais. Nascido na Ucrânia, Demjanjuk foi condenado a cinco anos de prisão por um tribunal alemão por ter participado no massacre de cerca de 30 mil judeus, no período em que foi guarda do campo de concentração de Sobibor, na Polônia.

O tribunal de Munique, na Alemanha, considerou que o fato de Demjanjuk ser funcionário do campo durante a guerra bastava para o implicar nos crimes cometidos. O ex-guarda negou as acusações e ficou em liberdade enquanto esperava a decisão sobre um recurso interposto em um tribunal federal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Governador Reinaldo Azambuja conclui MS-178 e entrega casas para 64 famílias em Bonito (MS)
ITAPORÃ - TRAGÉDIA EM FAMÍLIA
CRIME EM ITAPORÃ: Neto matou avó com duas facadas nas costas
BONITO - MS - CASO JOÃO DE DEUS
Bonito (MS) recebeu 'João de Deus' em 2008 e promotoria se coloca a disposição para denúncias
ITAPORÃ - CRIME EM FAMÍLIA
Menor mata a própria avó a facadas em Itaporã
CIDADES
Servidores do MPMS poderão trabalhar de casa a partir do próximo ano
TRANSPORTES
Definida empresa que irá elaborar Plano Diretor de Passageiros de MS
ATENÇÃO A TODOS
Jovem lutadora russa morre eletrocutada após queda de iPhone no banho
CIÊNCIA E TECNOLOGIA
Atenção contribuinte: Sistema autorizador da NF-e valida novos códigos a partir de 2019
EDUCAÇÃO
Universidade abre 1.481 vagas para portadores de diploma
CIDADES
Operação que tem Aécio como alvo cumpre mandados em MS