Menu
KAGIVA
segunda, 22 de outubro de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca

Número de passageiros de cruzeiros marítimos deve crescer 13%

4 Out 2011 - 10h48Por Valor Online

A temporada de cruzeiros marítimos de 2011/2012 começa em três semanas e a expectativa do Ministério do Turismo é de que ocorra um crescimento de 12,9% no número de passageiros transportados em relação ao mesmo período do ano passado.

De acordo com o ministério, o número de navios que deve percorrer a costa brasileira cai de 20 para 17, mas, com o aumento do número de viagens, os passageiros sobem de 792,7 mil para 894,8 mil, o maior volume das três últimas temporadas.

Os portos de Santos e Rio de Janeiro devem embarcar o maior número de turistas nos sete meses de temporada. A expectativa é que o maior crescimento no número de visitantes ocorra nas cidades de Natal, Porto Belo, Recife e Fortaleza.

Até maio de 2012, fim da temporada, as agências devem ofertar ao mercado 386 roteiros pelo litoral brasileiro, alguns deles com passagem por Uruguai e Argentina, segundo o levantamento.

Se a expectativa do ministério estiver correta, o crescimento do número de passageiros vai se acelerar, já que em 2010 a alta foi de 10% com relação a 2009.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS
Certificado inclui Bonito no Mapa do Turismo Brasileiro
PESQUISA 2º TURNO - GOVERNADOR
Reinaldo tem 54% em nova pesquisa divulgada nesta segunda-feira 22 de outubro
EMPREGOS
MS tem mais de 2 mil vagas em concursos e salários de até R$ 11 mil
CIDADES
Discussão por xenofobia termina com baiano esfaqueado em MS
CINEMA
Com crítica política, animação brasileira é destaque em festival
GERAL
Para presidente da CBL, falta de leitura favorece notícias falsas
EDUCAÇÃO
Inscritos no Enem podem checar local de provas a partir de hoje
BONITO - MS - APROVADO NA CÂMARA
Câmara aprova projeto de proibição da taxa de religação de água pela Sanesul em Bonito (MS)
NOVELA DA GLOBO
Segundo Sol: Por Karola, Deborah Secco passa a tesoura no cabelão; veja o novo visual
MUNDO DA TV
Fábio Porchat pede demissão da Record