Menu
ITALÍNEA DOURADOS
quarta, 17 de outubro de 2018
KAGIVA
Busca

Nova tecnologia espanhola mede risco de sofrer de Alzheimer

29 Abr 2011 - 15h44Por Folha.com

O risco de uma pessoa desenvolver Alzheimer é detectável por meio de uma nova tecnologia espanhola. A técnica combina ressonância magnética de alta resolução para obtenção de imagens de grande precisão de diferentes áreas cerebrais.

A capacidade desta tecnologia de discriminar as pessoas que estão cognitivamente sadias e as que possivelmente desenvolverão Alzheimer foi apresentada nesta quinta-feira, como parte de um projeto piloto realizado por mais de 30 cientistas de Madri, do Demcam (Grupo de Pesquisadores em Demência da Comunidade de Madri).

A pesquisa, denominada "Ressonância Magnética estrutural e funcional: estudo multicêntrico das fases iniciais do Alzheimer na comunidade Autônoma de Madri", foi desenvolvido no Centro Alzheimer Fundação Rainha Sofia Fundação CIÉN da capital espanhola.

O Alzheimer é uma doença neurodegenerativa irreversível, de causas desconhecidas, que leva a demência e deteriora gravemente as funções cognitivas e funcionais.

Trata-se da demência mais frequente, mas não coincide com o envelhecimento normal do indivíduo, nem é uma doença exclusiva dos idosos.

O uso de novas tecnologias combinadas permitiu diferenciar, com níveis de 95% de exatidão em um grupo de 170 voluntários participantes do estudo, quais são cognitivamente sadios e quais têm risco de desenvolver o Alzheimer.

Com a ressonância magnética de 3D (três dimensões) é possível agilizar a obtenção das imagens cerebrais em relação a outras técnicas, com maior definição e contraste.

Além disso, é possível que a novidade, que inclui quatro tipos de técnicas de imagem (volumetria, difusão, perfusão e espectroscopia), favoreça o desenvolvimento de medicamentos contra a doença.

No estudo foram obtidas mais de 238 variáveis de seções cerebrais de cada um dos indivíduos participantes, relacionadas a características muito particulares.

O projeto recebeu uma contribuição conjunta de 230 mil euros da Fundação Rainha Sofia, GE Healthcare e da Fundação EULEN.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NO RIO MIRANDA - MULTA E APREENSÃO
PMA prende e autua em R$ 17 mil oito turistas paulistas pescando com redes e tarrafas no Rio Miranda
BONITO - MS - TESTE EM AEROPORTO
Aeroporto terá testes durante Seminário Nacional de Perícia em BONITO (MS)
ENTRETENIMENTO
FAZENDA 10: Dívida de Perlla com ex-empresário ultrapassa R$ 1 milhão
A FAZENDA 10 - ENTRETENIMENTO
'Vaza' passado cabeludo de Fernanda Lacerda e Léo Stronda fora da Fazenda
A FAZENDA 10 - FOGO NO FENO
Mulher de Rafael Ilha detona Gabi Prado e dispara contra peoa: 'Deve sofrer de alguma doença'
RETA FINAL - NOVELA DA GLOBO
Beto confronta Karola: 'Você roubou a vida de outra mulher' em Segundo Sol
OPERAÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL
Temer recebeu R$ 5,9 mi em propinas do setor portuário, diz PF
BONITO - MS - RESULTADO DO CONCURSO
Confira os aprovados no concurso público da Câmara em BONITO (MS)
AÇÕES DO GOVENO DO MS
Em quatro anos, governo de MS investe R$ 265 milhões em Corumbá
NA REGIÃO DE BONITO
Motorista morre após caminhão cair de serra na MS-382 na região de Bonito (MS)