Menu
KAGIVA
sbado, 20 de outubro de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca

Nova corrente marítima poderá mudar características do clima no Hemisfério Norte

23 Ago 2011 - 11h17Por Revista Veja online

Uma equipe internacional de pesquisadores confirmou a presença de um sistema profundo de circulação oceânica que pode influenciar significativamente no clima da Terra. A corrente, situada próxima a Islândia e chamada Jato Norte Islandês (NIJ, na sigla em inglês), tem um papel importante na circulação termoalina, o movimento global de águas pelas diferenças de temperatura e salinidade. O trabalho foi publicado no periódico Nature Geoscience.

O clima do planeta está ligado à circulação das águas dos oceanos. A circulação termoalina transporta a água quente para as latitudes mais altas e isso esquenta o ar no Hemisfério Norte. Em seguida a água esfria, afunda e retorna ao equador em grande profundidade. Como um grande rio que recebe afluentes, a circulação termoalina também recebe correntes menores que se iniciam em outras regiões. A NIJ, por exemplo, se inicia na região da Islândia.

A descoberta da NIJ, afirmam os pesquisadores, tem ramificações importantes no impacto da circulação das águas no clima. Isso porque pesquisadores do mundo todo acreditam que a corrente termoalina está diminuindo de velocidade por causa do aumento de temperatura global.

A grande quantidade de água proveniente de gelo derretido e outros fenômenos climáticos estão chegando ao norte do Atlântico Norte. Lá, essa água congela, não afunda e diminui a quantidade de água quente que poderia chegar ao Hemisfério Norte novamente. A longo prazo, essa série de situações pode levar a um clima mais gelado no Hemisfério Norte uma vez que a quantidade de água que poderia esquentar o ar seria menor.

Se uma grande quantidade dessa água vier da NIJ, uma corrente desconhecida até então, os cientistas precisarão repensar quão rápido a conversão de água quente em fria ocorre na corrente termoalina e se esse processo é alterado pela alta da temperatura global. Os resultados levantam perguntas sobre como a circulação mundial dos oceanos vai responder as mudanças climáticas. O próximo passo é fazer uma análise de campo para quantificar e distinguir a NIJ de outras correntes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

IBOPE NO MS - PESQUISA
IBOPE em Mato Grosso do Sul, votos válidos: Azambuja, 53%; Odilon, 47%
BONITO - MS - AÇÕES MEIO AMBIENTE
SEMA distribui frutas produzidas no Viveiro de Mudas Nativas de Bonito (MS)
BONITO - MS - REFORMA
Prefeitura reforma instalações do Programa Bolsa Família que atende 650 beneficiários em Bonito (MS)
ELEIÇÕES 2018 - FÁBRICA DE FAKE NEWS
Polícia e Justiça 'explodem' fábrica de fake news de coordenador de Odilon
TRAGÉDIA NAS ESTRADAS DO MS
Empresário e filho de 1 ano que morreram em acidente, retornavam de Bonito (MS)
BONITO - MS - ESPORTE -
Bonito (MS) recebe estadual de beach tennis neste fim de semana
TIRO ACIDENTAL
Pai foge após matar filho de 10 anos com tiro acidental no ouvido em cidade do MS
BONITO - JARDIM - BODOQUENA E BELA VISTA
BONITO e mais 3 cidades recebem auxilio da Agesul na recuperação de estradas devido as chuvas
PESQUISA NO MS
Em nova pesquisa, Reinaldo tem 54.21% e Juiz Odilon 45.79%, VEJA NÚMEROS
DATAFOLHA - PRESIDENTE
Datafolha para presidente, votos válidos: Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%