Menu
KAGIVA
domingo, 19 de agosto de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca

No Estado, 258 mil que devem R$ 313 milhões ao comércio poderão renegociar dívidas

5 Set 2011 - 08h32Por Correio do Estado

Mato Grosso do Sul tem 258 mil pessoas que devem R$ 313,6 milhões e estão impedidos de comprar a prazo no comércio. São 388,4 mil débitos, com valor médio de R$ 807,46, segundo o Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC). Para tentar reverter este quadro a campanha de recuperação de crédito “Nome Limpo”, da Associação Comercial e Industrial de Campo Grande (ACICG), será, pela primeira vez, estendida ao interior.

O potencial de participantes é de 12 mil empresas, em 57 das 78 cidades onde há associação do comércio. Pelo menos 30 entidades já foram consultadas e devem aderir à campanha única, marcada para novembro.

Se consideradas as dívidas computadas por órgãos nacionais, o acumulado sobe para R$ 2,1 bilhões. O foco da campanha, porém, é solucionar débitos registrados nas 57 unidades do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) do Estado, ligadas às associações.

“Nosso objetivo é colocar mais pessoas no mercado consumidor”, explica o presidente da Federação das Associações Comerciais (Faems), Antonio Freire. Ele considera a inadimplência do consumidor mais preocupante no interior que na Capital.

Os de Dourados, por exemplo, acumulavam, em julho, R$ 30 milhões em débitos, quase a metade das dívidas dos campo-grandenses, de R$ 65 milhões, segundo o SCPC.A explicação seria o hábito. No interior, conhecer o dono da loja levaria o devedor a acomodar-se, teoriza Freire. Ele desconsidera outras possibilidades, como desemprego ou o crescimento do crédito, que acelerou o endividamento no País.

Outra novidade deste ano, para os empresários, é a possibilidade de instalar pontos de atendimento do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) em suas lojas. Hoje, o consumidor consulta e paga suas dívidas apenas na central do órgão.

A campanha será lançada no próximo dia 13. A previsão é que ocorra entre 7 e 16 de novembro. No ano passado, 10,6 mil consumidores da Capital quitaram R$ 3,7 milhões em dívidas e deixaram o cadastro negativo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPORTUNIDADES NO MS
Governo de MS tem quatro concursos com 2,3 mil cargos ainda em 2018
NOVA FRENTE FRIA - VEJA A PREVISÃO
Nova frente fria chega a Mato Grosso do Sul e mínima será de 6ºC
AÇÕES DO GOVENO DO MS
Governador afirma que pavimentação asfáltica da MS-223 começa nos próximos dias em Costa Rica
INELEGÍVEL
Procuradoria pede impugnação de candidatura do Zeca do PT
BONITO - MS - INAUGURAÇÃO
HOJE tem inauguração do Santo Rock Bar, caipirinha FREE para mulheres até meia-noite em Bonito (MS)
POLÍTICA
Parecer do TRE-MS dá aval para cassar vereadora Cida Amaral
MEIO AMBIENTE
Em fase final, projeto visa recuperar o Taquari com manejo correto do solo
BONITO - MS - AÇÕES NO ÁGUAS DO MIRANDA
BONITO (MS): Obras realiza serviços de revitalização no distrito Águas do Miranda
BONITO - MS
Almoço beneficente em prol do Instituto Visão de Vida acontecerá neste sábado em Bonito
CASO MAYARA
Acusado de matar a musicista Mayara Amaral diz que estava 'possuído'