Menu
ITALÍNEA DOURADOS
sexta, 21 de setembro de 2018
KAGIVA
Busca

Moka defende no Senado diagnóstico preciso para portadores de autismo

4 Abr 2011 - 14h44Por Com informações da Agência Senado

O senador Waldemir Moka defende diagnóstico preciso para os portadores do autismo e convoca a sociedade sul-mato-grossense para participar do Dia Mundial do Autismo, a ser celebrado neste sábado (2).

Em pronunciamento na noite de quinta-feira (31) no Senado, Moka apoiou decisão da Subcomissão Permanente de Assuntos Sociais das Pessoas com Deficiência de realizar audiências públicas com representantes da Sociedade Brasileira de Pediatria e especialistas de diversas áreas da saúde.

“O diagnóstico correto é fundamental para o tratamento do problema. Temos conhecimento de crianças portadoras do distúrbio que são tratadas de forma equivocada.  O Senado deve ter uma postura de intermediação, chamar o problema para as comissões, estabelecer mecanismos no sentido de avançar no tratamento do autismo”, afirmou.

Moka diz que o dia em homenagem aos autistas é oportunidade para que a sociedade tenha acesso a informações e que compreenda as necessidades das crianças portadoras do distúrbio.

Em vários Estados, monumentos históricos serão iluminados com a cor azul. No Rio de Janeiro, o Cristo Rendentor foi escolhido. Em Campo Grande, a cor símbolo da campanha iluminará o Obelisco.

Crack

Em seu discurso, o senador também registrou audiência publica promovida quinta-feira (31) pela Subcomissão Temporária de Políticas Sociais sobre Dependentes Químicos de Álcool, Crack e outras Drogas. Os parlamentares aprovaram a realização de um ciclo de debates para discutir o uso disseminado do crack.

De acordo com Moka, o crack já chegou às pequenas cidades e à área rural por causa do preço acessível. O senador alertou que a droga, ao contrário da cocaína e da maconha, torna as pessoas altamente dependentes já no primeiro contato.

O senador Cristovam Buarque (PDT-DF), em aparte, disse que o problema da droga ameaça o futuro do país de forma trágica e apontou o crack como o problema mais grave de todos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - VAMOS AJUDAR
Churrasco beneficente em prol Hospital acontece dia 30 em Bonito (MS)
HORÁRIO DE VERÃO 2018
Horário de Verão pode ser extinto em todo território nacional
BONITO - MS - VISITA NO GABINETE
BONITO: Odilson recebe alunos que participam do Programa Agrinho, modalidade Experiência Pedagógica
BONITO - MS - REIVINDICAÇÃO ATENDIDA
Lúcia Miranda tem reivindicação atendida pela prefeitura com instalação de semáforo em Bonito (MS)
ELEIÇÕES 2018
Odilon perde para Reinaldo e vai ter que fazer propaganda para tucano em rede social
OPERAÇÃO VOSTOK
Polaco presta depoimento na Operação Vostok e nega contato com Reinaldo Azambuja
ELEIÇÕES 2018 -
Justiça indefere registro candidatura de João Grandão e mais 9 candidatos em MS
ESPORTES
Inscrições para Jogos Radicais Urbanos terminam nesta quinta
LIGA DOS CAMPEÕES 2019
Lateral de MS marca e garante empate do Shakhtar Donetsk na estreia
FALSO POLICIAL
Falso policial condenado a 117 anos é preso na Bolívia