Menu
ITALÍNEA DOURADOS
quinta, 18 de outubro de 2018
KAGIVA
Busca

Moedas fora de circulação somam R$ 300 milhões no Brasil

18 Ago 2011 - 14h32Por Terra

Aproximadamente R$ 300 milhões em moedas da primeira família do Real, distribuídas entre 1994 e 1998, estão fora de circulação, de acordo com informações do site do Banco Central (BC). Elas representam 14,8% do valor total de dinheiro (entre moedas e notas) emitido pelo BC desde o início do Plano Real. Atualmente há R$ 138.253.896.925,04 em circulação no país, segundo o BC.

De acordo com informações da assessoria de imprensa do BC, não há como precisar o destino dessas moedas, embora a instituição suponha que estejam guardadas em casa e parte tenha sido perdida ou esquecida. O número de moedas emitidas na primeira família corresponde a 31,4% do total de moedas emitidas no país.

Essa moedas continuam valendo, exceto as de R$ 1 que já saíram de circulação, mas ainda podem ser trocadas no próprio BC e em agências autorizadas do Banco do Brasil.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MELHOR SALÁRIO É DO MS
Fetems confirma: Reinaldo paga o melhor salário de professor do Brasil
NO RIO MIRANDA - MULTA E APREENSÃO
PMA prende e autua em R$ 17 mil oito turistas paulistas pescando com redes e tarrafas no Rio Miranda
BONITO - MS - TESTE EM AEROPORTO
Aeroporto terá testes durante Seminário Nacional de Perícia em BONITO (MS)
ENTRETENIMENTO
FAZENDA 10: Dívida de Perlla com ex-empresário ultrapassa R$ 1 milhão
A FAZENDA 10 - ENTRETENIMENTO
'Vaza' passado cabeludo de Fernanda Lacerda e Léo Stronda fora da Fazenda
A FAZENDA 10 - FOGO NO FENO
Mulher de Rafael Ilha detona Gabi Prado e dispara contra peoa: 'Deve sofrer de alguma doença'
RETA FINAL - NOVELA DA GLOBO
Beto confronta Karola: 'Você roubou a vida de outra mulher' em Segundo Sol
OPERAÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL
Temer recebeu R$ 5,9 mi em propinas do setor portuário, diz PF
BONITO - MS - RESULTADO DO CONCURSO
Confira os aprovados no concurso público da Câmara em BONITO (MS)
AÇÕES DO GOVENO DO MS
Em quatro anos, governo de MS investe R$ 265 milhões em Corumbá