Menu
KAGIVA
segunda, 17 de dezembro de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca
UNIPAR_PC

Ministério estima que 8,1 milhões de pessoas praticam por ano o "Turismo religioso"

20 Jun 2011 - 10h34Por Folha.com

 O turismo religioso tem se convertido em um lucrativo filão de negócios para agências e operadoras de turismo.

Maior do setor no país, a CVC calcula que 30% dos 70 mil clientes que compraram seus pacotes em 2010 para a Europa visitaram santuários e incluíram cidades como Roma (Itália), Fátima (Portugal), Santiago de Compostela (Espanha) e Lurdes (França) em seus roteiros.

Valter Patriani, presidente da CVC, diz que a empresa "não vende" seus produtos como viagens de turismo religioso, mas sente uma procura crescente por esses e outros destinos como Israel e Turquia (onde, segundo a tradição católica, viveu a Virgem Maria).

Segundo o executivo, a Europa é o destino preferido de católicos. Já os evangélicos procuram mais Israel e geralmente visitam mais um destino na região.

Patriani diz que mesmo internamente o segmento ganha força. "Vendemos muitos roteiros rodoviários com saída do Rio para São Paulo que incluem uma visita ao santuário do padre Marcelo Rossi [que finaliza a construção de uma nova igreja para 100 mil fiéis]."

MILHÕES

O Ministério do Turismo estima que anualmente 8,1 milhões de pessoas viajam "movidas pela fé" e que cerca de 15 milhões de pessoas demostram interesse em destinos religiosos.

O órgão trabalha para estruturar novos roteiros turísticos com foco religioso e melhorar a infraestrutura ao turista para os destinos já consolidados, segundo Sáskia Lima, coordenadora de segmentação do ministério.

Um desses destinos consagrados, por exemplo, é Salvador (BA). Na cidade, diz, são oferecidos passeios que incluem tanto visitas a igrejas como a terreiros de religiões afro-brasileiras.

Lima afirma ainda que o turismo religioso é muito "pulverizado" e "informal". Paróquias e igrejas evangélicas, muitas vezes, organizam sozinhas as viagens. Em outras oportunidades, diz, contam com pequenas agências e operadoras especializadas.

Uma delas é a El Gibor. "Já organizei viagens para várias igrejas: batista, metodista, presbiteriana e outras", afirma Rosana Sancricca, diretora da operadora.

Seu mais novo projeto é um cruzeiro evangélico para 2.000 pessoas, com partida em dezembro de Santos para o litoral de Santa Catarina. No roteiro, estão previstos cultos, shows gospels e pregações a bordo.

A Marsans Brasil já organizou duas rotas --em 2009 e 2010-- que percorreram os litorais do Rio e de São Paulo. Do mesmo modo, missas, apresentações de cantores e novenas estavam na programação. Há previsão de um novo tour marítimo em 2012.

Jaime Abraços, diretor da Marsans, diz que não vincula seus produtos ao turismo religioso. Estruturou os cruzeiros-e outras viagens- a pedido de um franqueado de Campinas (SP), vinculado à arquidiocese local.

O executivo vê, porém, um "crescimento muito grande" das viagens para Europa e Israel de "grupos de afinidades", nos quais se insere a dimensão religiosa.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - TENTATIVA DE SUICÍDIO
Jovem sobe em torre de telefonia para tentar suicídio, PM resgata antes em Bonito (MS)
CIDADES
Motorista com destino a SP perde controle da direção e tomba carreta carregada de celulose na BR-158
CIDADES
Na saída de boate, mulher aponta arma na cabeça de vítima e foge após roubar pertences em MS
MEIO AMBIENTE
Fique atento! Certas árvores podem oferecer riscos para pessoas e animais
OPORTUNIDADES
MS tem 5 concursos abertos e salários de até R$ 9,4 mil nesta semana
GERAL
Defesa deve pedir hoje prisão domiciliar para João de Deus
ECONOMIA
Receita paga hoje as restituições do último lote do IRPF 2018
TEMPO E TEMPERATURA
Segunda-feira de céu parcialmente nublado e temperaturas de até 39º
"SÓ TENHO ELE" - DIZ CATADOR
MS: Catador que criou Batfusca com restos de lixo põe carro à venda por não conseguir manter família
MARACAJU - CHUVA COM DESTRUIÇÃO
Chuva rápida derruba árvores e deixa casas sem energia em Maracaju