Menu
KAGIVA
quarta, 20 de junho de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca

Ministério altera calendário de vacinação para rebanhos em Mato Grosso do Sul

2 Abr 2011 - 13h44Por Midiamax

A vacinação dos rebanhos sul-mato-grossenses contra a febre aftosa teve alteração no calendário oficial, divulgado na sexta (1) pelo Ministério da Agricultura e Abastecimento. No Planalto a imunização deve ser feita durante o mês de maio. Já no Pantanal, os produtores podem escolher entre os períodos de 1 a 15 de maio ou 1 a 15 de novembro.

Anteriormente a vacinação tinha início previsto para ontem (1). As novidades levam em conta a mudança da classificação de Mato Grosso do Sul junto à OIE (Organização Mundial de Saúde Animal), que reconheceu todo o estado como área livre da febre aftosa sem vacinação no último dia 4 de fevereiro.

Com o reconhecimento, a ZAV (Zona de Alta Vigilância) deixou de existir oficialmente, mas ainda assim a Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) vai definir calendário próprio para as propriedades rurais que ficam na faixa de 15 quilômetros a partir da fronteira com o Paraguai e a Bolívia.

Segundo o Ministério, o único estado brasileiro que começou a vacinar o rebanho ontem foi Roraima. Neste ano, os investimentos para controlar a doença devem chegar a R$ 59 milhões e serão aplicados no apoio à manutenção e melhoria estrutural dos serviços veterinários, capacitação de pessoal, campanhas de vacinação estratégicas e trabalhos de educação sanitária.

No total, a previsão é destinar mais de R$ 93 milhões para a Saúde Animal.

Em 2010, a taxa de cobertura vacinal de bovinos e búfalos contra a doença alcançou 97,3%. Os Estados que registraram os melhores resultados na vacinação foram Mato Grosso, com 99,74%, Tocantins, com 99,52% e Mato Grosso do Sul, com 99,41% dos animais imunizados

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS - BOLSAS DE ESTUDOS
Colégio Delphos Nota 10 oferece provas para bolsas de estudos neste sábado em Dourados
BODOQUENA - AÇÃO POLICIAL
Policia Militar prende em flagrante traficante que atuava em praça da cidade em Bodoquena
BONITO - MS - AÇÃO DA PM
Policia Militar recaptura mais um foragido da justiça em Bonito (MS)
ECONOMIA
No MS, mais de 26 mil pessoas ainda não sacaram abono salarial de 2016
EMBOSCADA MATA PECUARISTA
Pecuarista é executado a tiros durante emboscada em fazenda na fronteira
BONITO - MS
Campanha de trânsito alcançou mais da metade da população
TURISMO
União estuda entregar parque em Bodoquena para gestão privada
MATO GROSSO DO SUL
Há quase 30 anos sem notificação, poliomielite surge na Venezuela e países vizinhos estão em alerta
MEIO AMBIENTE
Facebook vira feira ilegal de animais silvestres e ignora alerta do Ibama
INOCÊNCIA
Ônibus escolar tem pane mecânica sobre trilhos e é atingido em cheio por trem