AGÊNCIA_SUCURI_MEGA_BI
Bonito Informa - Notícias de Bonito e região
Bonito, 11 de Dezembro de 2017
DELPHOS_FULL
KAGIVA
30 de Novembro de 2017 08h17

Médico famoso por tratar celebridades tem registro cassado em MS

DA REDAÇÃO

O Conselho Regional de Medicina de Mato Grosso do Sul (CRM/MS) anunciou ontem (29) a cassação do médico geriatra paraibano Eduardo Gomes de Azevedo. O julgamento foi feito pelo CRM/ RJ (Conselho Regional de Medicina do Rio de Janeiro). Assim, todos os Estados onde ele tinha registro tiveram que publicar formalmente o resultado.

O médico, que tem cadastro ativo em Mato Grosso do Sul desde 1996,  é acusado de despeitar os artigos 32, 42,124, 132, 133, 134 e 142 do Código de Ética Médica (Resolução CFM nº 1246/ 88, DOU 21/01/1988).

Conforme a acusação, Azevedo fazia o uso de terapias que não são permitidas no Brasil. Ele tem uma rede de clínicas internacionais, e prestava atendimento a ídolos do esporte nacional como Pelé e o técnico de vôlei Bernardinho. 

Os dois, inclusive, tiveram participação especial em um livro do médico, denominado de "Tudo Novo em Seu Corpo: atividade física". Pelé escreveu a apresentação do trabalho e Bernardinho o prefácio.

O médico ainda era conhecido por ter trazido ao Brasil a “procainoterapia”, tratamento à base de Procaína Benzóica Estabilizada, uma substância anestésica, que tem um pequeno efeito antidepressivo e promete combater o envelhecimento, mas  que foi proibida pelo Ministério da Saúde em 1985, por provocar arritmia cardíaca e convulsões. .

O médico também já foi cassado em São Paulo e na Paraíba. Conforme o jornal Folha de São Paulo, em 1991, ele teria sido expulso da Sociedade Brasileira de Geriatria.

Comentários
Veja Também
AGÊNCIA_SUCURI_LATERAL
Últimas Notícias
  
TASS_300
ANUNCIE AQUI
dothCom © Copyright BonitoInforma - Todos os Direitos Reservados.