AGÊNCIA_SUCURI_MEGA_BI
Bonito Informa - Notícias de Bonito e região
Bonito, 17 de Outubro de 2017
DELPHOS_FULL
CLINICA_RITH
9 de Maio de 2011 07h50

Marrone pilotou helicóptero antes de acidente, diz TV

Folha.com

O cantor Marrone pilotou o helicóptero que caiu na tarde de segunda-feira (2) em São José do Rio Preto (SP) em alguns trechos do trajeto, segundo o piloto Almir Carlos Bezerra, 49, que recebeu alta do hospital Santa Casa ontem (7). O depoimento de Bezerra à polícia foi revelado em reportagem do "Fantástico", da Rede Globo, veiculada neste domingo.

Recuperado de um quadro anêmico em razão da perda excessiva de sangue após o acidente, o piloto passou por uma cirurgia corretiva no braço esquerdo. Ele perdeu o pé esquerdo e a perna foi amputada dez centímetros abaixo do joelho.

Marrone teria pilotado a aeronave em trechos do trajeto entre Curitiba (PR) e São José do Rio Preto (SP), onde foi feita uma parada para abastecimento.

O piloto se justifica afirmando que Marrone está aprendendo a pilotar. Ainda de acordo com a reportagem, o cantor fez exames de saúde e provas teóricas, mas ainda não concluiu o curso, logo só poderia pilotar em um voo de instrução. Nesse caso, o professor fica do lado esquerdo e o aluno no direito, como estavam posicionados Bezerra e Marrone, mas não poderia haver passageiros.

O terceiro ocupante da aeronave, Jardel Alves Borges, 33, secretário particular e primo de Marrone, continua internado em estado grave na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital de Base. Ele sofreu traumatismo crânio-encefálico, fratura nos dois braços e no quadril e perfuração do abdômen.

A Polícia Civil investiga se Marrone, que faz dupla com Bruno, estava pilotando o helicóptero. O delegado José Luiz Chain, do 2º DP do município, abriu inquérito na sexta-feira (6).

"Vamos apurar as lesões e quem realmente estava pilotando o helicóptero. Marrone já tem uma certificação de capacidade física, mas ainda não tirou a licença. A aeronave pode ser comandada dos dois lados, e o piloto explicou que é permitido que os alunos fiquem do lado direito quando estão acompanhados do instrutor", afirmou Chain.

 

Uma carta precatória deve ser expedida nesta segunda-feira (9) para que Marrone seja ouvido pela polícia em São Paulo, onde mora. Além do piloto, a polícia já ouviu três testemunhas, entre elas duas pessoas que estavam no aeroporto no momento do acidente e que também disseram que Marrone estava do lado direito da aeronave.

O cantor teve alta na quarta-feira (4) do Hospital de Base de São José do Rio Preto, onde ficou internado por dois dias, com ferimentos leves.

ACIDENTE

O helicóptero caiu pouco antes de 15h de segunda-feira (2), depois de abastecer em São José do Rio Preto. O funcionário do posto Shell que abasteceu o helicóptero horas antes do acidente confirmou à polícia que Marrone estava sentado do lado direito da aeronave.

O piloto afirmou ao delegado que a aeronave perdeu potência assim que decolou. "Ele disse que o giro começou a diminuir e que acionou o comando para que o giro voltasse ao normal, mas mesmo assim o helicóptero continuou perdendo velocidade", afirmou o delegado.

Chain vai pedir à Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) cópia do laudo do acidente e da análise do combustível como parte do inquérito, que tem prazo de 30 dias para conclusão. O Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos) também investiga o acidente.

Comentários
Veja Também
dothshop
Últimas Notícias
  
CLÍNICA_RITH_300
AGÊNCIA_SUCURI_LATERAL
dothCom © Copyright BonitoInforma - Todos os Direitos Reservados.