Menu
ITALÍNEA DOURADOS
quarta, 21 de novembro de 2018
KAGIVA
Busca
Brasil - Saúde

Maioria desaprova sistema público de saúde, mostra pesquisa

12 Jan 2012 - 14h59Por Agencia Brasil

Pesquisa sobre o sistema de saúde no Brasil, encomendada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) ao Ibope, mostra que 61% dos 2.002 entrevistados em todo o país consideram a rede pública péssima ou ruim. Somente 10% avaliaram a qualidade como boa ou ótima.

Segundo o levantamento, a avaliação mais positiva foi na Região Sul, onde 30% das pessoas ouvidas disseram que a qualidade do sistema de saúde de sua cidade é ótima ou boa. O Nordeste ficou com a pior avaliação: 62% qualificaram como ruim ou péssima.

Entre os entrevistados, 42% disseram que não perceberam melhorias no sistema nos últimos anos e 43% opinaram que ele piorou. Para o gerente executivo de Pesquisa da CNI, Renato Fonseca, os dados refletem a opinião do público e não o posicionamento do pesquisador sobre a questão.

Além disso, 24% têm plano de saúde contratado, em sua maior parte, pelo empregador. As campanhas de vacinação são a iniciativa mais visível, para o público, do sistema de saúde.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Com 115 vagas em MS, Mais Médicos abre inscrições para substituir cubanos
MELHOR DESEMPENHO
Sul-mato-grossense de 3 anos é destaque nacional por desempenho escolar
TECNOLOGIA
Novo aplicativo moderniza interação com consumidor e ajuda a entender tarifa de energia
TEMPO E TEMPERATURA
Tempo em Mato Grosso do Sul continua instável
RALLY DOS SERTÕES - LARGADA NA CAPITAL
Para Reinaldo, Rally dos Sertões é aposta para fomentar turismo e economia em MS
SORTEIO DE CARRO 0KM
Hotel Cassino Amambay fará sorteio de um carro Prisma 0 KM, veja como participar
FAMOSIDADE
Mãe do filho de Neymar compartilha clique de biquíni e enlouquece a web
NOVO GOVERNO - 1º ESCALÃO
Bolsonaro anuncia deputado Mandetta como futuro ministro da Saúde
TODO CUIDADO É POUCO
Adolescente morre ao tocar em cerca elétrica em Dourados
LUTANDO PELA VIDA
Lutando pela vida: mesmo após 2 transplantes, leucemia volta e jovem precisa fazer tratamento em SP