Menu
ASSOMASUL MARÇO
quinta, 21 de maro de 2019
mutantes
Busca
ITALÍNEA DOURADOS

Justiça proíbe CEF de descontar em conta valores de empréstimos

5 Ago 2011 - 10h33Por Campo Grande News

Com exceção do empréstimo consignado, a Caixa Econômica Federal foi proibida pela Justiça de reter valores das contas de clientes para amortizar dívidas de empréstimos e financiamentos.

A ação foi movida pelo MPF-GO (Ministério Público Federal em Goiás), mas vale para todo o país, segundo o site Última Instância.

No caso do empréstimo consignado, o limite é em 30% do valor do benefício previdenciário de aposentadoria ou pensão.

Condenada a obrigação de não fazer, com eficácia nacional, a Caixa deverá excluir a cláusula contratual que lhe autorizava reter valores que mutuários em situação de inadimplência possuíssem depositados no banco.

O banco terá que devolver ainda os valores retidos indevidamente nos últimos dez anos, devidamente corrigidos.

Para caso de descumprimento, a multa estipulada é de R$ 10 mil/dia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LAVA JATO
#AGORA: Michel Temer é preso pela Lava Jato; PF faz buscas por Moreira Franco
BONITO - MS - INTERDITADOS
Forte chuva interdita balneários em Bonito (MS)
BONITO - MS - EM ESTADO DE ATENÇÃO
Imasul e Defesa Civil colocam Bonito (MS) em estado de atenção
EDUCAÇÃO E TECNOLOGIA
Após criar drone, estudante de MS é selecionado para evento no Japão
CIDADES
Motorista tomba caminhão carregado de frutas ao desviar de buraco na MS-276
ESPORTES
Aquidauanense é punido, perde pontos e muda confrontos no Estadual de futebol
LOTERIA
Aposta de Salvador faturou mais de R$ 32 milhões na Mega-Sena
CUIDADOS
Outono tem início e especialistas do Detran-MS alertam sobre cuidados para dirigir com neblina/chuva
ESPORTES
Fórum de Políticas Públicas do Esporte reunirá gestores e representantes da área esportiva do MS
TECNOLOGIA
Com versão eletrônica pioneira no país, Diário Oficial comemora 10 mil edições em 2019