Menu
KAGIVA
quinta, 15 de novembro de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca
MS - Policial

Jornalista é alvejado por pistoleiros e morre atingido por cinco tiros na fronteira

Atentado pode ter motivações políticas, mas polícia não descarta outras possíveis hipóteses

13 Fev 2012 - 08h50

O jornalista Paulo Roberto Cardoso Rodrigues, mais conhecido como Paulo Rocaro, foi atingido por cinco tiros, por volta das 23h30min de ontem (12), em Ponta Porã (MS).

Segundo informações da polícia, o jornalista conduzia um veículo Fiat Idea pela Avenida Brasil, centro de Ponta Porã, quando foi abordado por dois pistoleiros em uma motocicleta tipo Traill. Eles dispararam mais de 12 vezes contra a vítima, acertando cinco tiros.  

Paulo chegou a ser socorrido pelos bombeiros, mas não resistiu aos ferimentos e morreu às 4h20min no Hospital Regional. As primeiras informações apontam que o crime contra o jornalista poderia ter motivações politicas, mas a polícia não descarta outras hipoteses.

Ele era editor chefe do Jornal da Praça e diretor do site Mercosul News.

Deixe seu Comentário

Leia Também

A FAZENDA 10
A Fazenda 10: Rafael Ilha chora ajoelhado na frente das vacas, entenda o que aconteceu
FORA DA POLÍTICA
Procurador, Sérgio Harfouche nega candidatura e confirma desfiliação da política
NOVA NOVELA DA GLOBO
Ela viu o noivo usar a própria festa para se casar com outra, em nova novela da Globo
GOVERNADOR DO MS EM BRASÍLIA
Carta de governadores a Bolsonaro tem 4 propostas apresentadas por Reinaldo
CELEBRIDADES
Paula Fernandes tentou suicídio, faz triste desabafo e revela o motivo
BONITO - MS - TRABALHO LEGISLATIVO
Confira o trabalho do seu vereador durante sessão ordinária da Câmara de Bonito (MS)
BONITO - MS - DURANTE SESSÃO
Na Tribuna, Vereador pede novos cursos para a UFMS de Bonito (MS)
FATALIDADE - QUE DÓ!!!
Cavalo morre eletrocutado ao passar por rua em obras
CAMPO GRANDE - CASO DE POLÍCIA
Consideradas desaparecidas, adolescentes são encontradas trancadas em quarto em bairro na Capital
MEIO AMBIENTE
Segue para 2° votação projeto que proíbe pesca do dourado em MS