Menu
ITALÍNEA DOURADOS
sexta, 14 de dezembro de 2018
KAGIVA
Busca
UNIPAR_PC

Inadimplência ter a maior alta em 9 anos no primeiro semestre, diz Serasa

12 Jul 2011 - 14h45Por O Globo

No primeiro semestre deste ano a inadimplência do consumidor avançou 22,3% em relação ao mesmo período de 2010. Este aumento é o maior dos últimos nove anos, apontou o Indicador Serasa Experian de Inadimplência do Consumidor. O crescimento da inadimplência se deu em quase todas as modalidades de pagamento pesquisadas, excluindo os protestos.

Na comparação mensal o crescimento da inadimplência desacelerou-se, com alta de 7,9% em relação a maio. Entre junho deste ano e o mesmo período do ano passado, o indicador avançou 29,8%, o que representa o maior aumento nesta base de avaliação desde maio de 2002.

Dentre os componentes do indicador, a inadimplência com os bancos deu a principal contribuição para a alta do índice mensal, com avanço de 8,1%, respondendo por 3,8 pontos percentuais na variação total. As dívidas não bancárias (cartões de crédito, financeiras, lojas em geral e prestadoras de serviços como telefonia e fornecimento de energia elétrica e água), e os cheques sem fundos também colaboraram para a alta do indicador com variação de 5,4% e 18,9%, respectivamente.

Segundo economistas da instituição, no momento o consumidor "enfrenta uma redução no poder aquisitivo e o crescente endividamento dificulta o pagamento das dívidas assumidas anteriormente". Assim, o forte crescimento da inadimplência no semestre "é justificado pelos efeitos da política monetária para controle da inflação, alta dos juros, IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) e encarecimento do crédito", apontou o Serasa em comunicado.

Já o valor médio das dívidas não bancárias caiu 20,2% no primeiro semestre deste ano, na comparação com igual intervalo do ano anterior, passando de R$ 385,50 para R$ 307,54 neste ano. A redução no valor médio das dívidas bancárias, entretanto, foi menor, com queda de 2,0% na comparação com o primeiro semestre de 2010, passando de R$ 1.335,17 para R$ 1.307,90 neste intervalo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - RÉVEILLON 2019 -
Prefeitura divulga regulamento sobre as festividades do Réveillon 2019 em Bonito (MS)
CORPO ENCONTRADO EM RIO DE MS
Bombeiros localizam o corpo do homem que sumiu na pescaria em MS
BONITO - MS - NOVA DIRETORIA DA OAB
Nova diretoria da 23ª subseção da OAB de Bonito toma posse
RIO DA PRATA DE VOLTA
'Clareza' do Rio da Prata aparece e semana é marcada por audiência e clamor popular em Bonito (MS)
DUAS MORTES POR RAIOS NO MS
Tempestade surpreende e dois morrem atingidos por raios em MS
GOVERNO DO MS - EM 2019
No 2º mandato, Reinaldo vai doar metade do salário a entidades
BONITO - MS - TÁ NA CONTA
Prefeitura Municipal deposita 2ª parcela do 13º salário em Bonito (MS)
BONITO - MS - TROFÉU PIRAPUTANGA
Em grande estilo, Troféu Piraputanga valoriza apoiadores do turismo e empresários de Bonito (MS)
CIDADES
Secretários: Felipe na Fazenda, Murilo Infraestrutura e Resende na Saúde
BONITO - MS
Prefeitura doa área para prédio da Polícia Militar Ambiental em Bonito