Menu
mutantes
segunda, 25 de maro de 2019
ASSOMASUL MARÇO
Busca
ÁGUAS DE BONITO
MARACAJU - MORTOS IDENTIFICADOS

Identificados mortos em confronto com a polícia na Operação Petra II em MARACAJU

Identificados mortos em confronto com a polícia na Operação Petra II em MARACAJU

15 Mar 2019 - 08h42Por Adriano Moretto e Osvaldo Duarte / Dourados News

Foram identificados os dois mortos em confronto com a polícia na manhã desta sexta-feira (15/3) dentro da Operação Petra 2 desencadeada em Maracaju. Nelson Maicon Ferreira Pereira e Cícero José Campos chegaram a ser encaminhados feridos ao hospital local, porém, não resistiram aos ferimentos. 

Conforme o apurado pelo Dourados News, a ação cumpre mandados de busca e apreensão e prisão na cidade.  

O objetivo é desarticular quadrilha especializada em assaltos e traficantes de drogas que têm agindo na cidade nos últimos meses. 

Petra I

No dia 15 de fevereiro, a primeira fase da operação deixou criminosos mortos após confronto com a polícia. 

A ação ocorreu cinco dias após a morte do policial militar Juciel Rocha Professor, executado com vários tiros na cabeça numa lanchonete do município. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Edital do Enem é divulgado; taxa de inscrição é de R$ 85
EMPREGOS E CONCURSOS
Inscrições de concurso do Conselho Regional de Educação Física terminam dia 15
EDUCAÇÃO
Inscrições do Encceja começam em maio; provas serão aplicadas em agosto
TEMPO E TEMPERATURA
Semana começa com céu aberto e calor de até 37°C em MS
MEIO AMBIENTE
Projeto nos municípios da Bacia do Taquari proporciona conservação de 8,6 mil hectares de solo
ECONOMIA
Com ações do Estado, Porto Murtinho se tornará o maior polo exportador de MS
BONITO - MS - LUTO
Bonito (MS) perde Seu Ademarzinho e prefeitura divulga nota de pesar
TRAGÉDIA FAMILIAR
Morador de Maracaju comete suicídio com tiro na cabeça em confraternização familiar em Rio Brilhante
Cidades
Homem é assassinado a pauladas ao matar e comer galo de vizinho em cidade do MS
GREVE VINDO AÍ
Monitoramento mostra que caminhoneiros já se mobilizam para nova paralisação