Menu
ITALÍNEA DOURADOS
quinta, 18 de outubro de 2018
KAGIVA
Busca

Governo prepara equipe para fortalecer Geopark Bodoquena/Pantanal, que inclui Bonito

9 Set 2011 - 07h47Por Portal MS

Com o objetivo de atender as demandas para obtenção da chancela da Unesco, o governador André Puccinelli recebeu nesta quinta-feira (8), em seu gabinete, entidades que compõem a coordenação do Geopark Bodoquena/Pantanal para encaminhar ações administrativas.

Dentre as responsabilidade do governo do Estado está a composição de uma estrutura técnica, que foi solicitada por uma missão da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco), formada pelas especialistas em geoparks Marie Luise Frey (França) e Sylvie Giraud (Alemanha) durante a visita realizada no Estado em junho deste ano.

Para a diretora-presidente da Fundação de Turismo, Nilde Brun, o geoparque é de grande importância para o governo do Estado. “Estamos estruturando uma equipe técnica para atender as questões do Geopark Bodoquena/Pantanal em tempo integral. Será uma equipe científica com especialistas das áreas de geologia, história, educação e marketing, buscando parceria com as universidades”, afirmou Nilde.

Esta equipe ficará centralizada na Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul (Fundect). “É de responsabilidade do governo do Estado estruturar esta equipe, atendendo às demandas da missão da Unesco. Apresentamos os encaminhados ao governador André Puccinelli, para que sejam apresentados os nomes e incorporados na estrutura de coordenação do geoparque”, destacou Nilde.

Também já foram selecionados alguns geossítios, situados na região de Corumbá e Ladário, para serem realizadas visitas. “Vamos estruturar ações em alguns geossítios, conversar com os proprietários das áreas, com a comunidade local e fazer um trabalho para integrar Mato Grosso do Sul na rede mundial de geoparques. Já somos um geoparque, agora queremos a chancela da Unesco e precisamos fazer uma preparação no Estado. Está chancela é importante para Mato Grosso do Sul. Um geoparque envolve as áreas de ciência, tecnologia, economia, meio ambiente, turismo e cultura. Até março de 2013 teremos um posicionamento da Unesco em relação à chancela do Geopark Bodoquena Pantanal”.

Estiveram presentes na reunião a diretora-presidente da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul, Nilde Brun; diretor-presidente da Fundação de Cultura MS, Américo Calheiros; diretor-presidente da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e da Tecnologia (Fundect/MS), Marcelo Augusto Turine; diretor de Desenvolvimento do Imasul, Roberto Gonçalves e superintendente do Iphan/MS, Margareth Escobar.

Geoparque

O Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, por meio de suas fundações – Cultura (FCMS), Turismo (Fundtur), Ciência e Tecnologia (Fundect) e Imasul – tem trabalhado em conjunto com a Superintendência Estadual do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan/MS e a Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) na divulgação e implementação do conceito de Geopark no Estado.

O objetivo da missão da Unesco foi avaliar o nível de implementação e das ações envolvendo o geopark, no âmbito da conservação, educação e turismo como aspirante à Rede Global de Geoparks sob os auspícios da Unesco. Hoje só existe um geopark nas três Américas integrante da rede mundial – O Geopark do Araripe, no Ceará.

O Geopark Bodoquena Pantanal tem uma área de 39.700 km², abrangendo os territórios dos municípios de Bonito, Bodoquena, Ladário, Corumbá, Jardim, Niaoque, Bela Vista, Porto Murtinho, Miranda, Aquidauana, Anastácio, Caracol e Guia Lopes da Laguna.

Fazem parte do Geopark 54 áreas denominadas geossítios, envolvendo fazendas, lagoas, grutas e nascentes de rios. Outro objetivo do Geopark é a necessidade de todo esse patrimônio cultural e natural ter seu valor reconhecido mundialmente como parte integrante da rede mundial do Programa Geopark Unesco, atraindo assim a comunidade científica mundial e a visitação turística com fins educacionais, científicos, culturais, de fruição e conservacionistas.

O decreto de criação do Geopark Bodoquena Pantanal foi assinado em dezembro de 2009, pelo governador André Puccinelli.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MELHOR SALÁRIO É DO MS
Fetems confirma: Reinaldo paga o melhor salário de professor do Brasil
NO RIO MIRANDA - MULTA E APREENSÃO
PMA prende e autua em R$ 17 mil oito turistas paulistas pescando com redes e tarrafas no Rio Miranda
BONITO - MS - TESTE EM AEROPORTO
Aeroporto terá testes durante Seminário Nacional de Perícia em BONITO (MS)
ENTRETENIMENTO
FAZENDA 10: Dívida de Perlla com ex-empresário ultrapassa R$ 1 milhão
A FAZENDA 10 - ENTRETENIMENTO
'Vaza' passado cabeludo de Fernanda Lacerda e Léo Stronda fora da Fazenda
A FAZENDA 10 - FOGO NO FENO
Mulher de Rafael Ilha detona Gabi Prado e dispara contra peoa: 'Deve sofrer de alguma doença'
RETA FINAL - NOVELA DA GLOBO
Beto confronta Karola: 'Você roubou a vida de outra mulher' em Segundo Sol
OPERAÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL
Temer recebeu R$ 5,9 mi em propinas do setor portuário, diz PF
BONITO - MS - RESULTADO DO CONCURSO
Confira os aprovados no concurso público da Câmara em BONITO (MS)
AÇÕES DO GOVENO DO MS
Em quatro anos, governo de MS investe R$ 265 milhões em Corumbá