Menu
ASSOMASUL MAIO 2019
quarta, 19 de junho de 2019
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO

Governo federal prorrogou até junho prazo para liberação de "restos a pagar"

29 Abr 2011 - 16h36Por Assessoria

O Governo federal publicou nesta sexta-feira (29) o Decreto nº 7.468/2010, que prorroga para 30 de junho deste ano a vigência dos contratos e convênios de 2007, 2008 e 2009. O prazo terminaria amanhã, 30.

De acordo com o senador Waldemir Moka (PMDB), a medida é importante porque permite ao governador André Puccinelli e aos prefeitos conseguirem a liberação de recursos de exercícios anteriores.

“Havia pressão muito grande dos parlamentares para que esse prazo fosse prorrogado. Caso contrário, muitas obras e projetos seriam paralisados por falta de dinheiro”, argumenta.

Moka diz que não tem a quantidade nem o montante de recursos dos convênios firmados nesse período pelo Governo do Estado e prefeituras sul-mato-grossenses com o Governo federal.

“Sabemos que é um volume considerável. Acredito que o prazo de 60 dias seja suficiente para que o governo libere os restos a pagar”, disse.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EM CIDADE DO MS - CRIME
Em MS, Marido mata mulher grávida com cinco tiros e é preso tentando cruzar fronteira
BONITO - MS - ESPORTE - FOTOS
Confira as FOTOS e Tabela da abertura do 3º Campeonato de Futsal e Copa Ouro em Bonito (MS)
BONITO - MS - FERIADÃO
Prefeitura terá ponto facultativo na próxima sexta-feira (21) em Bonito (MS)
BONITO - MS - TRABALHO LEGISLATIVO
Câmara aprova 7 Indicações e 5 Requerimentos durante sessão ordinária em Bonito (MS)
BONITO - MS - POLÍTICA
PSD de Bonito (MS) tem nova presidente, com aval de Nelsinho
EM FAZENDA NO MS
Peça escapa e mata funcionário que consertava veículos em fazenda no MS
BONITO - MS - #POLÍCIA
Homem quebra medida protetiva e é preso pela Polícia Militar em Bonito (MS)
200 NOVOS AGENTES
Governo vai chamar 200 novos agentes penitenciários aprovados em concurso
ESPAÇO SAÚDE
Você tem alergia? Os cuidados devem ser redobrados no inverno!
BONITO - MS - SAÚDE INFORMA
Bonitense morto por H1N1 trabalhava em Bela Vista, vítima não foi internada em Bonito