Menu
ASSOMASUL MAIO 2019
segunda, 17 de junho de 2019
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO

Globo estaria atrasando chegada de rivais na TV a cabo

16 Jun 2011 - 11h18Por Jornal do Brasil

Empresas de telecomunicações apontam que a Rede Globo estaria tentando atrasar ao máximo a aprovação do projeto de lei que permitirá a entrada de operadoras de telefonia no mercado de televisão por assinatura, segundo informa o jornal Folha de S.Paulo nesta quarta-feira.

O projeto que tramita no Senado eliminaria as restrições quanto à participação de capital estrangeiro em empresas de televisão. De acordo com a publicação, a Globosat é atualmente a maior programadora da América Latina.

Em declaração ao jornal, o vice-presidente de relações institucionais da Globo, Evandro Guimarães, afirma que a empresa é a favor do projeto, contanto que ele não sofra vetos no Executivo.

Paralelamente, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) já abriu consulta pública para mudança nas regras, no entanto, mantendo a restrição ao capital estrangeiro. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOENÇA DO SÉCULO
Mais um PM é encontrado morto, amigos prestam últimas homenagens em Campo Grande
AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Governo do MS assina nesta terça 'Decola MS', programa vai ampliar voos em BONITO e demais cidades
OPORTUNIDADE NO MS
Em MS, Prefeitura abre inscrições para dois processos seletivos
BONITO - MS - AÇÕES NO RIO FORMOSO E RIO DA P
Governo do MS anuncia que vai realizar megaoperação para salvar águas cristalinas de Bonito (MS)
JARDIM - MS - POLÍCIA
Suspeito de assalto é atropelado por viatura da PM e morre na delegacia em JARDIM (MS)
ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
CASO DE POLÍCIA
Rapaz de 22 anos é encontrado em matagal ferido com 20 facadas em cidade do MS
MATO GROSSO DO SUL - SAÚDE
Em agosto, Governo do Estado e Hospital Regional reativam serviço de cirurgias bariátricas em MS
FESTIVAL DE INVERNO DE BONITO
BONITO (MS): Festival traz espetáculos de dança, Bossa Nova e performances contemporâneas
ELEIÇÕES 2020
Rose Modesto admite interesse em disputar prefeitura de Campo Grande, mas nega acordo com o MDB