Menu
KAGIVA
segunda, 25 de junho de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca
AÇÕES GERALDO RESENDE

Geraldo prioriza reforma da UBS do Jardim Ouro Verde e cobra projeto

Geraldo prioriza reforma da UBS do Jardim Ouro Verde e cobra projeto

13 Jun 2018 - 16h43Por Ricardo Minella / Assessoria

O deputado federal Geraldo Resende (PSDB) informou, nesta quarta-feira (13), que o secretário municipal de Saúde Renato Vidigal, equivocou-se ao dizer que o parlamentar retirou recursos que havia indicado para a reforma de Unidade Básica do Jardim Ouro Verde, em Dourados. O que aconteceu, segundo Geraldo, foi que o governo federal contingenciou (cortou) os recursos pela morosidade do Município no cadastramento dos projetos da obra.

Segundo o parlamentar, no entanto, há condições de conquistar recursos ainda em 2018 para a reforma mas, para tanto, é necessário que a Prefeitura elabore e encaminhe o projeto da obra ao Ministério da Saúde dentro de 30 dias.

 “Não vou entrar em polêmicas e celeumas que não levam a nada. Minha prioridade é a saúde pública. Tenho a possibilidade de reconquistar esses recursos, mas precisamos de agilidade por parte da administração municipal de Dourados”, salienta o parlamentar.

Equívoco

Na terça-feira (12), o secretário de Saúde, Renato Vidigal, em encontro com vereadores na Câmara Municipal, equivocou-se ao afirmar, em relação a uma emenda de autoria do parlamentar, que ficou surpreso “com o anúncio de que o deputado mandou suspender o repasse para Dourados”. 

Na verdade, a emenda de Geraldo Resende previa recursos para atenção básica de Dourados e Jateí em um total de R$ 1 milhão, sendo R$ 500 mil para a reforma da UBS Central de Jateí e R$ 500 mil para a UBS do Bairro Jardim Ouro Verde de Dourados. O corte foi feito pelo governo federal diante da demora na confecção do projeto.

A emenda que garantia recursos para a reforma da UBS do Jardim Ouro Verde foi uma solicitação dos profissionais de saúde que trabalham no local e dos pacientes.

O deputado Geraldo Resende indicou a emenda no ano de 2017. O gabinete do parlamentar informou à Administração Municipal a necessidade de celeridade na apresentação dos projetos por meio de ofícios e reuniões na Prefeitura, porém o atraso do Município levou ao cancelamento dos recursos federais.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - CULTURA
Bonito recebe 4ª edição da Feira Literária
BONITO - MS - AÇÃO DA 1ªCIPM/CPA-3
Polícia Militar recaptura foragido da justiça durante ação na madrugada em Bonito (MS)
PANTANAL
União reconhece situação de emergência em áreas inundadas no Pantanal
EMPREGOS
Exército abre vagas para músicos no 17º Batalhão de Fronteira
CRIME ORGANIZADO
PF faz operação contra célula do PCC em Mato Grosso do Sul e mais quatro estados
EXPANSÃO PARAGUAI
Obras públicas paraguais terão continuidade com mudança de governo
IVINHEMA
Veículo capota na MS-276 após condutor dormir ao volante
LEILÃO DO GOVERNO DO MS
Governo leiloa 43 lotes de veículos e sucatas nesta terça-feira, confira o edital
CAMPO GRANDE E JARDIM
Uems abre concurso para professores efetivos em Campo Grande e Jardim
VIOLÊNCIA DOMÉSTICA
Padrasto acerta murro na boca de criança ao tentar agredir esposa