Menu
ITALÍNEA DOURADOS
sexta, 21 de setembro de 2018
KAGIVA
Busca

Ex-prefeito é condenado a devolver dinheiro de obra inacabada

7 Mai 2011 - 13h45Por Midiamax

A 5ª Turma Cível do TJ-MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) julgou nesta quinta- feira apelação cível número 2011.007828-9, de relatoria do desembargador Luiz Tadeu Barbosa Silva, dando provimento parcial ao recurso do Ministério Público Estadual.

Segundo o relatório, o município de Sonora ajuizou ação civil pública por ato de improbidade administrativa contra o ex-prefeito da cidade, João Cavalcante Costa e o ex-secretário Mário Antonio Siqueira, ex-secretário de obras e a SP Comércio e Representações.

O juiz de primeiro grau julgou procedente o pedido, condenando os réus, solidariamente, a ressarcir os cofres públicos em R$ 40.682,37, valor ainda a ser corrigido, já que os referidos réus foram coniventes com a entrega de numerário para a empresa, que não concluiu as obras conveniadas com o Ministério da Integração Nacional.

A empresa havia recebido a importância de R$ 134.524,29 para obras de drenagem, mas não as executou em sua integralidade, gerando prejuízo aos cofres públicos.

O relator deu provimento parcial ao recurso do Ministério Público, ampliando a condenação. O magistrado concluiu “pela existência de improbidade administrativa, pois todos os envolvidos participaram ativamente nos fatos que causaram dano ao erário, atestando o fiel cumprimento do contrato de obra pública prestado pela firma individual, fato não verdadeiro, pois, como exaustivamente demonstrado, o contrato foi cumprido de forma parcial, o que redundou em prejuízo ao erário”.

A empresa foi proibida de contratar e de receber benefícios ou incentivos do poder público pelo prazo de cinco anos. O ex-prefeito e o ex-secretário tiveram suspensos os direitos políticos pelo prazo de cinco anos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Presentes e comemorações do Dia das Crianças devem movimentar R$ 130 milhões em MS
CIDADES
De cada 10 cidades de MS, menos de 4 tem plano municipal para o saneamento básico, aponta IBGE
POLÍTICA
Líder, Azambuja tem 42,9%; juiz Odilon é segundo, com 29,35%
ECONOMIA
Brasileiros poderão receber remessas do exterior diretamente em reais
SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE
Futuro presidente terá de enfrentar financiamento do SUS
GERAL
Ninguém acerta as seis dezenas e prêmio da Mega-Sena acumula
BONITO - MS - VAMOS AJUDAR
Churrasco beneficente em prol Hospital acontece dia 30 em Bonito (MS)
HORÁRIO DE VERÃO 2018
Horário de Verão pode ser extinto em todo território nacional
BONITO - MS - VISITA NO GABINETE
BONITO: Odilson recebe alunos que participam do Programa Agrinho, modalidade Experiência Pedagógica
BONITO - MS - REIVINDICAÇÃO ATENDIDA
Lúcia Miranda tem reivindicação atendida pela prefeitura com instalação de semáforo em Bonito (MS)