Menu
BONITO CÂMARA JULHO 2019
tera, 23 de julho de 2019
BANNER GOV
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO

Estudo: Celulares ajudam a reduzir pobreza na América Latina

30 Set 2011 - 18h02Por Folha.com

A rápida penetração da telefonia celular ajudou a reduzir a pobreza na América Latina ao melhorar as condições do mercado de trabalho em países onde o emprego informal prolifera, permitindo aos autônomos ficarem localizáveis, o que representa mais garantia na hora de conseguirem trabalhos.

Esta é uma das conclusões mais surpreendentes do estudo "Comunicação móvel e desenvolvimento econômico e social na América Latina", apresentado nesta quarta-feira (28) em Barcelona.

O relatório foi elaborado por pesquisadores de vários países, que analisaram o impacto de uma tecnologia com apenas duas décadas de vida e à qual 75% dos habitantes destes territórios já têm acesso, embora em alguns deles a penetração seja inclusive maior (98% no Chile e 78% no México, por exemplo).

A proliferação dos celulares nesta região do planeta (que é equivalente aos níveis dos Estados Unidos e acima do conjunto da Ásia) teve uma repercussão positiva no crescimento econômico, sobretudo nos países e regiões mais pobres, onde se transformou em um estímulo.

Neste sentido, o documento destaca o papel que os aparelhos têm na atividade diária dos trabalhadores autônomos que vivem nas grandes cidades e que são auxiliados por esta tecnologia.

No âmbito rural e agrícola, o celular permite que eliminem intermediários ao disporem de informações sobre os mercados e o clima, aspectos essenciais em sua atividade.

Além do lado econômico, a pesquisa divulga que o celular aumentou também a segurança e a percepção da mesma, elemento essencial quando se vive em entornos violentos, onde graças a estes dispositivos as pessoas podem estar conectadas com suas famílias.

Além disso, este tipo de telefonia aumentou a autonomia individual das pessoas, assim como a concepção do coletivo, algo que foi comprovado recentemente entre os jovens e estudantes chilenos que se uniram em uma mobilização social sem precedentes.

Este trabalho foi promovido pela Fundação Telefónica e o IN3 (Internet Interdisciplinary Institute) e publicado pela Editora Ariel.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

FESTIVAL DE INVERNO DE BONITO (MS)
BONITO: Apresentações musicais no 'Palco das Águas' serão gratuitas, CONFIRA PROGRAMAÇÃO
BONITO - MS - MAIS 4 EMPOSSADOS
Em Bonito (MS), Prefeito dá posse a mais 4 candidatos aprovados no concurso, VEJA FOTOS
OPORTUNIDADE NO MS
Em MS, Prefeitura lança concurso para 90 vagas com salários de até R$ 9,8 mil
BONITO - MS - PMA EM AÇÃO
PMA autua em R$ 30 mil arrendatário rural por exploração ilegal de vegetação nativa em Bonito (MS)
BONITO - MS - FIB 2019
BONITO: Oficina de jogos teatrais resgata brincadeiras tradicionais em assentamentos e distritos
BONITO - MS - FIB 2019
Escola Durvalina Dornelles Teixeira recebe o Pré-Festival nesta quarta-feira em Bonito (MS)
EM CIDADE DO MS
Em MS, Homem morre com queimaduras causadas por explosão enquanto fazia bife na chapa
FEMINICÍDIO NO MS
Sessão tortura: namorado tranca jovem em quarto e a espanca com socos e chutes em MS
FAMOSIDADE
Com costelas e dedo quebrados, Henrique Fogaça pega pneumonia
FESTIVAL DE INVERNO NO ÁGUAS DO MIRANDA
Alunos do Águas do Miranda pintam telas em Workshop de Estêncil Graffiti para o Festival em Bonito