Menu
KAGIVA
tera, 17 de julho de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca

Estudo avalia melhor época para usar contraceptivo após o parto

21 Mar 2011 - 17h46Por Folha.com

As mulheres que acabaram de ter um filho devem considerar o uso de contraceptivos três semanas após o nascimento, de acordo com uma nova revisão publicada no "Obstetrics & Gynecology".

Aquelas que estão amamentando têm chances muito baixas de conceber, e a maioria que não está amamentando não vai ovular novamente até seis semanas após o parto. Mesmo assim, é possível engravidar em menos tempo, segundo os autores.

"Para as mães com um recém-nascido, uma nova gravidez não está no topo da sua lista de preocupações", disse Emily Jackson, um dos autores do estudo, da OMS (Organização Mundial da Saúde).

"É muito importante que as pessoas que prestam cuidados às novas mães falem sobre o uso de contraceptivos e alertem para o fato de que elas podem se tornar férteis logo após ter um bebê", disse Jackson, que também é médico de família em Los Angeles.

Usar alguns tipos anticoncepcional logo após a gravidez é perigoso, porque o estrógeno presente nas pílulas e os hormônios pós-gravidez aumentam o risco de formar coágulos sanguíneos, de acordo com a pesquisa. O risco cai ao longo do tempo.

O objetivo era determinar em que momento após dar à luz, os benefícios do uso do anticoncepcional começam a compensar os riscos.

Jackson e sua colega Anna Glasier revisaram quatro estudos que examinaram o período em que mulheres que não amamentam começam a ovular novamente após o parto, e se elas tinham uma boa chance de engravidar durante as primeiras ovulações.

Em todos os estudos combinados, a ovulação começou, em média, entre 45 e 94 dias depois que uma mulher deu à luz. No entanto, em duas pesquisas, elas começaram a ovular entre 25 e 27 dias após o parto.

Os estudos também descobriram que a maioria das primeiras ovulações não resulta em gravidez.

Com base nesses resultados e nos dados sobre a probabilidade de formar coágulos de sangue, a OMS determinou que os benefícios de começar a tomar anticoncepcional contendo estrogênio e progesterona superam eventuais riscos a partir de três semanas após o nascimento.

Depois de seis semanas, os pesquisadores da OMS disseram que não deve haver restrições ao uso da pílula.

As recomendações do estudo se aplicam somente às mulheres que não amamentam regularmente.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ELEIÇÕES 2018 - ARTICULAÇÕES
DEM escolhe Reinaldo e indica Barbosinha a vice e Zauith ao Senado
CONCURSOS NO MS
Prefeitura de Laguna Carapã abre concurso com 96 vagas e salários de até R$ 4,1 mil
ECONOMIA
Conta de luz subirá até 3,86% com reajuste de receita de hidrelétricas
AGEPEN - LISTA DIVULGADA
Lista com nomes dos 500 candidatos habilitados no concurso de provas e títulos da Agepen é divulgado
MEIO AMBIENTE
Programa estadual irá premiar quem prestar serviços ambientais em MS
MS
Operação da PF prende suspeitos de golpes via aplicativos de mensagens
MARACAJU - ACIDENTE FATAL
Colisão entre moto e caminhonete mata jovem e motorista foge em Maracaju
TECNOLOGIA
TJMS adquire novo software contra contra spams e vírus em seus sistemas
ESPORTES
Etapa do Estadual de Canoagem volta a percurso usado há 30 anos
ESPORTES
Time de MS estreia com vitória na Taça Brasil de Futsal sub-7 na Paraíba