Menu
KAGIVA
quarta, 23 de janeiro de 2019
ITALÍNEA DOURADOS
Busca
UNIPAR_PC

Estudo avalia melhor época para usar contraceptivo após o parto

21 Mar 2011 - 17h46Por Folha.com

As mulheres que acabaram de ter um filho devem considerar o uso de contraceptivos três semanas após o nascimento, de acordo com uma nova revisão publicada no "Obstetrics & Gynecology".

Aquelas que estão amamentando têm chances muito baixas de conceber, e a maioria que não está amamentando não vai ovular novamente até seis semanas após o parto. Mesmo assim, é possível engravidar em menos tempo, segundo os autores.

"Para as mães com um recém-nascido, uma nova gravidez não está no topo da sua lista de preocupações", disse Emily Jackson, um dos autores do estudo, da OMS (Organização Mundial da Saúde).

"É muito importante que as pessoas que prestam cuidados às novas mães falem sobre o uso de contraceptivos e alertem para o fato de que elas podem se tornar férteis logo após ter um bebê", disse Jackson, que também é médico de família em Los Angeles.

Usar alguns tipos anticoncepcional logo após a gravidez é perigoso, porque o estrógeno presente nas pílulas e os hormônios pós-gravidez aumentam o risco de formar coágulos sanguíneos, de acordo com a pesquisa. O risco cai ao longo do tempo.

O objetivo era determinar em que momento após dar à luz, os benefícios do uso do anticoncepcional começam a compensar os riscos.

Jackson e sua colega Anna Glasier revisaram quatro estudos que examinaram o período em que mulheres que não amamentam começam a ovular novamente após o parto, e se elas tinham uma boa chance de engravidar durante as primeiras ovulações.

Em todos os estudos combinados, a ovulação começou, em média, entre 45 e 94 dias depois que uma mulher deu à luz. No entanto, em duas pesquisas, elas começaram a ovular entre 25 e 27 dias após o parto.

Os estudos também descobriram que a maioria das primeiras ovulações não resulta em gravidez.

Com base nesses resultados e nos dados sobre a probabilidade de formar coágulos de sangue, a OMS determinou que os benefícios de começar a tomar anticoncepcional contendo estrogênio e progesterona superam eventuais riscos a partir de três semanas após o nascimento.

Depois de seis semanas, os pesquisadores da OMS disseram que não deve haver restrições ao uso da pílula.

As recomendações do estudo se aplicam somente às mulheres que não amamentam regularmente.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÂNSITO
Acidente entre dois carros na MS-276 deixa mulher presa nas ferragens
BRASIL
Cápsula com césio-137 é achada em ferro velho de Alagoas
GERAL
PVA 2019: pagamento à vista ou primeira parcela vencem dia 31 de janeiro
BONITO - MS
Obras inicia trabalhos de recuperação da estrada da La Lima
LOTERIA
Mega-Sena vai sortear R$ 38 milhões na noite desta quarta-feira
MEIO AMBIENTE
Mais quente do país, MS teve 45ºC de sensação térmica em duas cidades
POLÍCIA
Brasil e Paraguai cercam traficantes em nova rota
PRESIDÊNCIA DO SENADO
Sem acordo, Simone e Renan vão para o enfrentamento
CIDADES
Com licença ambiental, Estado prioriza reinício da obra da MS-228 no Pantanal
TEMPO E TEMPERATURA
Quarta-feira de tempo firme na maior parte do MS; umidade do ar em estado de atenção