Menu
BANNER ANNA
sexta, 20 de setembro de 2019
Busca
ZAP INFORMÁTICA
BONITO - MS - FLUTUAÇÃO

Enquanto se discute a água, flutuação lidera visitas em Bonito (MS)

Enquanto se discute a água, flutuação lidera visitas em Bonito (MS)

24 Jun 2019 - 08h45Por SILVIO ANDRADE

O turvamento pontual ocorrido nas águas do Formoso e Prata, entre os rios mais cristalinos do mundo, em Bonito, não prejudicou o fluxo turístico à região, segundo dados divulgados pelo Observatório de Turismo do município relativos ao desempenho dos atrativos turísticos no mês de maio, considerado período de baixa temporada.

A flutuação nestes rios foi o passeio, entre 45 atrativos, mais visitado, superando os balneários, líderes históricos.

A frequência de 9.170 turistas nos banhados, onde a transparência das águas permite praticar o snorkeling em contato com cardumes de piraputangas e outros peixes e com a exuberância da natureza, desfaz a imagem negativa que a divulgação da turbidez no ecossistema deixou no principal destino de ecoturismo do Brasil, segundo o secretário municipal de turismo, Augusto Mariano. O cristalino das águas se recompôs rapidamente.

FLUXO

Nos meses de janeiro a abril, confirmando uma tendência do turismo local, os balneários lideraram o número de visitantes. A flutuação, que é o segundo atrativo mais procurado, no entanto, destacou-se em maio, em um período de discussões acerca dos impactos ambientais causados à qualidade da água dos rios pela expansão da agricultura e excesso de chuvas. O número de visitantes aos balneários caiu de 11.340, em abril, para 5.796, em maio.

Conforme boletim do Observatório do Turismo de Bonito, o segundo atrativo mais visitado no mês passado foram as grutas do Lago Azul e São Miguel, totalizando 8.974 pessoas. O fluxo turístico à região segue em linha crescente em 2019 em relação aos últimos dois anos e próximo ao registrado em 2016, considerado a melhor temporada, com 212 mil visitantes. Em maio, a cidade recebeu 14.152 turistas, 652 a menos do que em 2016 e 993 a mais que 2018.

A taxa de ocupação da rede hoteleira entre maio de 2019 e de 2016 também se assemelha – 39% e 44%, respectivamente. Foram comercializados 36.188 bilhetes (voucher) no mês passado para visita aos atrativos (balneários, botes, cachoeiras, flutuações, grutas e passeios urbanos), com média do valor do tíquete de R$ 131,06. 

No período, a taxa de ocupação da Gruta do Lago Azul, a mais visitada do Brasil, foi de 54% (em 2016, chegou a 60%).

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - NA PRAÇA DA LIBERDADE
27° Congresso Estadual da FETEMS terá Moraes Moreira gratuitamente neste sábado em Bonito (MS)
SESC BONITO - PROCESSO SELETIVO
Sesc BONITO (MS) abre processo seletivo com salários de até R$ 3,1 mil
CONCURSO PÚBLICO
Concurso abrirá 350 vagas para a Guarda Civil em MS
BONITO - MS - CONFIRA A PROGRAMAÇÃO
Prefeitura divulga programação do aniversário de 71 anos de Bonito (MS)
BONITO - MS - NA TRIBUNA
Vereador pede recursos para a melhoria, ampliação e aquisição de equipamentos de Hospital em Bonito
Política
Bolsonaro pode abrir crise com Congresso se vetar novas regras eleitorais
CHUVA
Temporal deixa rastro de destruição em cidade de MS
Policial
Motorista de aplicativo que estava desaparecido é encontrado morto
ASSASSINATO
Pai mata filho afogado para se vingar de ex-esposa: 'queria fazer ela sofrer'
FLAGRANTE
EM BONITO: homem tenta furtar celular de empresária, é flagrado por câmera e acaba em cana