Menu
ITALÍNEA DOURADOS
quinta, 16 de agosto de 2018
KAGIVA
Busca

Emocionado, paciente chora ao ver pernas transplantadas

13 Jul 2011 - 11h03Por Jornal do Brasil

O paciente que, na segunda-feira, recebeu um transplante de pernas "chorou" ao ver suas novas extremidades, com as quais poderá andar "em seis ou sete meses", disse nesta terça-feira o médico Pedro Cavadas, responsável pela operação, a primeira desse tipo no mundo.

"O paciente está consciente desde a tarde de ontemm (segunda-feira). Feliz, ele começou a chorar quando viu as pernas", afirmou o cirurgião durante uma coletiva de imprensa no hospital La Fe de Valência, onde foi feita a operação que durou cerca de dez horas, da tarde de domingo até a manhã de segunda-feira.

"Eu imagino que será capaz de caminhar com o apoio de muletas, e acredito que em um longo prazo poderá andar sem apoio, mas isso já depende de como a reabilitação vai se desenvolver. Se ocorrer tudo como esperamos, seria realista pensar que em seis, sete meses ele pode estar caminhando", afirmou Cavadas.

"Se ocorrer tudo como esperamos, seria realista pensar que em seis, sete meses ele pode estar caminhando", afirmou o médico Pedro CavadasSegundo o cirurgião, o paciente pode começar a movimentar as pernas em três semanas e em três meses sustentar seu peso nas novas extremidades.

O paciente, que Cavadas só detalhou ser um jovem "de vinte e poucos anos", tinha perdido as duas pernas em um acidente de trânsito.

A altura da amputação impedia o uso de próteses e o jovem "estava condenado à cadeira de rodas e suas possibilidades de voltar a andar eram zero", segundo Cavadas, famoso por ter realizado outros transplantes pioneiros.

O médico se mostrou cauteloso ao afirmar que 24 horas após a operação "é muito cedo, muita coisa ainda pode acontecer", mas "não esperamos que nada ocorra".

"O estado clínico é muito estável e logo vai poder sair da Unidade de Tratamento Intensivo", explicou Cavadas.

A operação realizada na segunda-feira foi autorizada em maio de 2010 pela Organização Nacional de Trasplantes (ONT) e em novembro do mesmo ano o Ministério da Saúde da Espanha anunciou ter autorizado este transplante duplo de pernas. A operação levou quase um ano para ser efetuada porque ainda não havia doadores.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - BALNEÁRIO MUNICIPAL
Balneário Municipal ficará fechado durante 5 dias este mês de agosto em Bonito (MS)
MAIS UMA FATALIDADE NO RODEIO
Peão que competiu em Barretos morre após cavalo cair em cima dele em cidade do MS
PROCESSO SELETIVO NO MS
Prefeitura abre inscrições para processo seletivo em cidade do MS
BONITO - MS - CURSOS PROFISSIONALIZANTES
Prefeitura concede espaço e SENAI realizará cursos profissionalizantes em Bonito
DOURADOS - MAIS VIOLÊNCIA
Padre é trancado no quarto, espancado e tem pertences levados em Dourados
POLÍTICA
Julgamento de Zeca do PT sobre farra da publicidade é marcado para o dia 4
AÇÃO CIVIL
Estado é acusado de discriminar mulheres em concurso da Polícia Militar
DE MS
Morre de causas naturais maior contrabandista do país preso em 2011
ECONOMIA
Nascidos em agosto já podem sacar abono salarial do PIS/Pasep
INTERNACIONAL
Morre aos 76 anos Aretha Franklin, a 'rainha do soul'