Menu
ITALÍNEA DOURADOS
sexta, 22 de junho de 2018
KAGIVA
Busca
JARDIM - MS - TRABALHO FORTE

Em Jardim (MS), Equipes da Agesul trabalham duro para concluir desvio e tirar região do isolamento

Em Jardim (MS), Equipes da Agesul trabalham duro para concluir desvio e tirar região do isolamento

10 Mar 2018 - 11h43Por Sílvio Andrade – Subsecretaria de Comunicação (Subcom)

Enfrentando a chuva e o barro, trabalhadores da Agência Estadual de Gestão de Empreendimento (Agesul) estão se empenhando na implantação de um desvio próximo à ponte de concreto sobre o rio dos Velhos, em Jardim, que caiu parcialmente há duas semanas após forte temporal. O serviço atenderá emergencialmente produtores rurais e a comunidade de agricultores familiares, por determinação do governador Reinaldo Azambuja.

A interdição da ponte construída pelo governo anterior e inaugurada em 2014 isolou a região produtora de grãos e boi gordo. Com a paralisação do transporte de soja e de animais, a safra de grãos pode ser perdida, por falta de armazenamento. Os ônibus escolares também deixaram de circular e as aulas foram suspensas para as crianças dos assentamentos Recanto do Miranda e Guardinha, que ficam distantes mais de 20 km da cidade.

A interdição da ponte construída pelo governo anterior e inaugurada em 2014 isolou a região produtora de grãos e boi gordo.

Passagem por dentro do rio

O desvio no trecho conhecido como Água Amarela em implantação pelo Governo do Estado é a única alternativa para movimentação da produção e das pessoas, cujo acesso para caminhões deverá ser liberado na próxima semana. O regional da Agesul em Jardim, Edmilson Nogueira Escobar, explicou que a obra está sendo reforçada com manilhas e cascalho, pois situa-se em uma área alagada, para suportar o tráfego pelo período em que a ponte estiver interditada.

“É um trabalho que exige muito da nossa equipe, pois, além de trabalharmos em uma região de banhado, as chuvas têm deixado o local com muita lama e atoleiros”, contou o responsável pela 12ª Regional da Agesul. “Uma estiagem vai nos ajudar a acelerar a obra e deixar o solo em condições de passagem de veículos pequenos ainda esta semana”, previu Edmilson Escobar.

A nova rota para quem trafega na região é uma antiga estrada de acesso a uma fazenda e a passagem é feita por um trecho de pedra dentro do rio dos Velhos. A Agesul está implantando três quilômetros de pista aterrada e encascalhada, de um lado do rio, e mais 500 metros, do outro, e conta com o apoio da Prefeitura e da empresa CG 2000. “Logo venceremos estes obstáculos e conseguiremos dar acesso a quem tanto necessita”, garantiu.

Sílvio Andrade – Subsecretaria de Comunicação (Subcom)

Fotos: Agesul

Deixe seu Comentário

Leia Também

MERCADO DE TRABALHO
Programa inédito da GOL para trainees recruta formados em qualquer curso
UNIPAR - EAD - DOURADOS - CONVÊNIO FECHADO
Unipar EAD fecha convênio com Grupo Abevê garantem até 25% de desconto nas mensalidades em Dourados
JUSTIÇA
OAB anuncia novo recurso contra cobrança de bagagem em aviões
GERAL
Nova portaria regulamenta expediente de servidores em jogos do Brasil
OPORTUNIDADES
Seleção de estagiários do MP/MS aplica prova domingo em 37 cidades
COPA DO MUNDO 2018
Brasil sofre, mas deslancha no final e bate Costa Rica por 2 a 0
JIPEIROS
Bonito na Trilha agitou os aventureiros, com muita poeira, lama e frio
EXPORTAÇÃO
Conflito comercial entre China e EUA é vantajoso para Mato Grosso do Sul
VIOLÊNCIA DOMÉSTICA
Segundo estudo, MS aumentou em 18% a concessão de medidas protetivas
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Prefeitura de Campo Grande abre inscrições de processo seletivo para nível médio