Menu
KAGIVA
tera, 23 de outubro de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca

Dourados lança projeto para incentivar polo sucroenergético na região

15 Ago 2011 - 16h31Por Assessoria

A Prefeitura de Dourados realiza hoje às 19h30 no salão de eventos da Unigran, no Jardim Universitário, um grande evento para o lançamento do Projeto Polo de Serviços do Setor Sucroenergético de Dourados e Região. Dirigentes das principais instituições do comércio e indústria de Mato Grosso do Sul participam do envento.

Durante a solenidade haverá um talkshow, quando autoridades e especialistas farão perguntas entre si abordando os cenários mundial, estadual e municipal do setor sucroenergético, as tendências de crescimento do setor, problemas e oportunidades, evolução e o futuro do setor, impacto da crise mundial do setor, as oportunidades em Dourados para o setor, a organização da cadeia desse setor em MS, incentivos do Estado, o setor do Estado e a mão-de-obra qualificada.

O projeto do setor sucroenergético, idealizado pelo prefeito Murilo Zauith, será apresentado pela secretária de Agricultura, Indústria e Comércio Neire Colman. O projeto tem o objetivo de preparar empresas para fornecer produtos e serviços para as usinas. Hoje elas buscam esses serviços nas regiões de Sertãozinho e Araçatuba, em São Paulo. O foco principal é o segmento metal-mecânico.

O prefeito Murilo Zauith lançará o Canasul 2011, feira estadual da cana-de-açúcar, que neste ano será realizada em Dourados, no mês de outubro. Murilo também falará sobre a retomada do processo de desenvolvimento de Dourados.

No final do evento, será assinado o termo de cooperação para o desenvolvimento do projeto entre os parceiros, que são a Prefeitura de Dourados, o governo do Estado, a Seprotur, a Biosul, a Fiems, o Sebrae/MS, o Senai, o Senar, o Sesi, o Sindicato das Empresas de Metal-Mecânica, a Famasul, o Ceise, prefeituras, associações comerciais e sindicatos.

Para o desenvolvimento do projeto será utilizado o sistema de encaminhamento produtivo, quando todos os setores são organizados para interagirem entre si, criando uma cadeia de suprimentos e facilitando a operação de todos. Além disso, haverá a qualificação da mão-de-obra e certificação das empresas para que possam atingir um nível de excelência, que garanta a operação nesse mercado de fornecimento de serviços para as grandes empresas. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

VEM CHUVA E FRENTE FRIA DO SUL
Frente fria vinda do sul do país promete chuva e alívio no calorão de MS
BONITO - MS - EMPOSSADO
No gabinete, Odilson dá posse ao novo diretor de Cadastro e Tributação em Bonito (MS)
MORTE DURANTE ASSALTO
Jovem é morta na frente das filhas durante assalto
GERAL
Mães que não fazem pré-natal podem ser denunciadas
BONITO - MS
Certificado inclui Bonito no Mapa do Turismo Brasileiro
PESQUISA 2º TURNO - GOVERNADOR
Reinaldo tem 54% em nova pesquisa divulgada nesta segunda-feira 22 de outubro
EMPREGOS
MS tem mais de 2 mil vagas em concursos e salários de até R$ 11 mil
CIDADES
Discussão por xenofobia termina com baiano esfaqueado em MS
CINEMA
Com crítica política, animação brasileira é destaque em festival
GERAL
Para presidente da CBL, falta de leitura favorece notícias falsas