Menu
KAGIVA
sexta, 17 de agosto de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca

DNA de ex-diretor do FMI é achado na roupa da camareira, diz TV

24 Mai 2011 - 07h27Por AFP

O DNA do ex-diretor do FMI Dominique Strauss-Kahn foi encontrado na roupa da camareira que o acusa de agressão sexual e de tentativa de estupro, indicou nesta segunda-feira (23) a rede americana NBC.

Em prisão domiciliar em Nova York, Strauss-Kahn, acusado de crimes sexuais, diz que vive um "pesadelo" segundo carta enviada à instituição financiera, enquanto procura um novo apartamento em uma cidade onde ninguém parece querê-lo como morador.

"Estes últimos dias foram muito dolorosos para minha família e para mim, bem como, eu sei, para todos no Fundo. Estou realmente desolado", escreveu o ex-chefe do FMI, em e-mail assinado "Dominique" e redigido em inglês no domingo.

"Nego nos termos mais fortes possíveis as acusações contra mim: estou convencido de que a verdade será conhecida e que serei declarado inocente", acrescentou.

"Enquanto isso, não posso aceitar que o Fundo - e vocês, meus queridos colegas - tenham que compartilhar o pesadelo que estou vivendo. Era necessário, pois, que eu saísse", afirmou Strauss-Kahn.

Em prisão domiciliar desde a tarde de sexta-feira, seis dias depois de sua detenção por denúncia de agressão sexual contra a camareira de um hotel, Strauss-Kahn renunciou ao posto de diretor-gerente do FMI, na quarta-feira, através de carta.

Strauss-Kahn, de 62 anos, está atualmente em um apartamento no sul de Manhattan que pertence à companhia encarregada de sua estrita segurança e onde só pode ficar por alguns dias.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍTICA
Parecer do TRE-MS dá aval para cassar vereadora Cida Amaral
MEIO AMBIENTE
Em fase final, projeto visa recuperar o Taquari com manejo correto do solo
BONITO - MS - AÇÕES NO ÁGUAS DO MIRANDA
BONITO (MS): Obras realiza serviços de revitalização no distrito Águas do Miranda
BONITO - MS
Almoço beneficente em prol do Instituto Visão de Vida acontecerá neste sábado em Bonito
CASO MAYARA
Acusado de matar a musicista Mayara Amaral diz que estava 'possuído'
ACIDENTE
Mulher é arremessada e morre em capotamento de veículo na BR-359
CIDADES
Mutirão vai analisar 11 mil processos de presos condenados em MS
DEFESA SANITÁRIA
Campanha de vacinação da febre aftosa atinge 99% de cobertura em MS
SAÚDE
Pesquisa indica que 16 milhões de brasileiros vivem sem nenhum dente
SAÚDE
Dia D de vacinação contra pólio e sarampo será neste sábado