Menu
quinta, 22 de agosto de 2019
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO

Dilma quer retirar mais 500 mil trabalhadores da informalidade até o final do ano

11 Abr 2011 - 12h47Por Agência Brasil

A presidenta Dilma Rousseff afirmou que o governo tem como meta retirar da informalidade 500 mil trabalhadores até o final deste ano, por meio da redução de 11% para 5% da alíquota de contribuição para a Previdência Social. No programa semanal Café com a Presidenta, que foi ao ar hoje (11), Dilma comentou o saldo de mais de 1 milhão de trabalhadores que passaram a ter carteira assinada por meio do programa Micro Empreendedor Individual.

Ao listar as vantagens da formalidade, a presidenta ressaltou direitos como a concessão do auxílio-doença, do salário-maternidade e da aposentadoria por idade. Outro destaque trata-se do acesso a financiamentos. “Vamos criar linhas de crédito próprias para os empreendedores individuais nos bancos públicos. Esse apoio financeiro é fundamental para quem quer expandir ou melhorar seu negócio”, disse.

Sobre a criação da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Dilma lembrou que o segmento representa a maioria das empresas brasileiras. “Esse ministério vai promover a inovação para que as empresas possam se desenvolver, vai diminuir a burocracia, vai buscar a redução de impostos e vai estimular as exportações”, explicou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Entretenimento
Jacaré gigante arranca antebraço de caçador de recompensa
MIRANDA - NOVAS ELEIÇÕES
TRE define data para nova eleição em Miranda (MS)
OPORTUNIDADE
Processo seletivo do Senar tem 10 vagas e salário de R$ 6,5 mil
SIDROLÂNDIA - ASSASSINATO
Homem de 50 anos é brutalmente assassinado com golpe de foice durante briga em Sidrolândia
BONITO - MS - HOMENAGENS NA CÂMARA
Bonitenses são homenageados na Câmara por se destacarem
BONITO - MS - AÇÃO PARLAMENTAR
Vereadores comparecem a AGEHAB para cobrar esclarecimento sobre Loteamento Rio Mimoso em Bonito
FLAGRANTE
Caminhoneiro é preso com maconha escondida em tanque de combustível
Policial
Polícia encontra armas na casa de empresário suspeito de violência doméstica
Campo Grande
Acidente entre 2 carretas, ônibus e motocicleta deixa três feridos em rodovia
Assassinato
PISTOLAGEM: ao chegar em casa, jovem é executado a tiros