Menu
sexta, 23 de agosto de 2019
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO

Delegação brasileira nos Jogos Militares terá campeões olímpicos e mundiais

14 Jul 2011 - 18h05Por Agência Brasil

A delegação brasileira nos Jogos Mundiais Militares, que começam oficialmente sábado (16), tem nomes de peso entre os 268 atletas participantes. Entre as estrelas que foram incorporadas às Forças Armadas e vão competir nos próximos dias, estão campeões mundiais e ganhadores de medalhas olímpicas em esportes coletivos e individuais.

Dois dos destaques da equipe brasileira são os campeões olímpicos de vôlei Anderson Rodrigues e Valeska Menezes. Anderson foi medalha de ouro em Atenas, em 2004, prata em Pequim, em 2008, e bicampeão mundial, em 2002 e 2006, e hexacampeão da Liga Mundial, entre 2001 e 2007. Já Valeska foi ouro em Pequim, tricampeã do Grand Prix feminino (em 2004, 2005 e 2008) e vice-campeã da Copa do Mundo, em 2003.

Da seleção brasileira de futebol feminino para a seleção das Forças Armadas, vieram Andreia dos Santos, conhecida como Maycon, e Tânia Maranhão, ambas ganhadoras da medalha de prata em Atenas e Pequim e de ouro nos Jogos Pan-Americanos, em duas edições: 2003 e 2007.

No atletismo, destacam-se Jadel Gregório, que liderou o ranking mundial de salto triplo em 2007, ano em que também foi vice-campeão mundial, e Vicente Lenílson, prata no revezamento 4x100m nos Jogos Olímpicos de Sidney, em 2000, e vice-campeão mundial na mesma prova.

Três ganhadores de medalhas olímpicas estão na equipe de judô: Tiago Camilo (prata em 2000 e bronze em 2008), Leandro Guilheiro (bronze em 2004 e 2008), Flavio Canto (bronze em 2004) e Ketleyn Quadros (bronze em 2008). Há ainda, na vela, a iatista Isabel Swan, que ficou com o bronze em Pequim, na categoria 470.

No entanto, a disputa não será fácil. Outros países também vêm com estrelas olímpicas para o Rio de Janeiro, entre eles, ganhadores de medalha de ouro em Pequim, como a corredora queniana Nancy Langat (1.500 metros), o atirador ucraniano Oleksandr Petriv (tiro rápido de pistola a 25 metros), a judoca italiana Giulia Quintavalle e a judoca romena Alina Alexandra Dumitru.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MIRANDA - NOVAS ELEIÇÕES
Miranda já vive clima de eleição e dois nomes já são cotados para a disputa
CIDADE DO MS EM ALERTA
Onda de suicídios deixa cidade de MS em alerta, Jovem é encontrado morto
BONITO - MS - LOTES NO ÁGUAS DO MIRANDA
Em Bonito (MS), Prefeitura auxilia regularização de lotes em Águas do Miranda
BONITO - MS - VISTORIA
DEMTRAT inicia vistoria de veículos de transporte turístico em Bonito (MS)
Bonito
A 100km de Bonito, motociclista flagra onça em rodovia
Policial
Lava Jato investiga crimes que causaram prejuízos de R$ 6 bilhões
Cidades
Em 8 meses, polícia captura 5ª iguana em residências de cidade do MS
CRUELDADE
Bandidos encapuzados invadem casa, roubam e agridem idosos em MS
FLAGRA
A CASA CAIU: mulher flagra mensagens de marido e quebra imóvel em Bonito (MS)
FATALIDADE
Pedestre é atropelada por carro e morre em avenida de MS