Menu
KAGIVA
sexta, 22 de junho de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca

Decisão sobre ocupação da Fazenda Santa Clara pelos Kadiwéus, em Bonito, será do STF

4 Abr 2011 - 17h51Por Campo Grande News

Grupo de 15 índios da etnia kadiwéu continua acampado na Fazenda Santa Clara, a 65 quilômetros de Bonito, há 22 dias e a decisão sobre a situação caberá ao STF (Supremo Tribunal Federal).

A Justiça Federal de Mato Grosso do Sul afirmou não ter competência para julgar o pedido de revigoramento da liminar que mantém a posse da fazenda aos proprietários. Por conta disso, o processo seguiu nesta segunda-feira para Brasília.

Norival Nunes, advogado da família proprietária da fazenda, acrescenta que foi solicitada urgência no julgamento do pedido. Há três semanas, um casal de funcionários foi mantido refém pelos indígenas.

Foi necessária intervenção da Funai (Fundação Nacional do Índio) para retirada dos funcionários do local, além de obrigar os índios a desocupar a sede da fazenda.

Segundo os proprietários, os indígenas têm roubado e matado gado, mas as informações não foram confirmadas.

Os índios kadiweu que moram na reserva próxima à fazenda Santa Clara reivindicam a demarcação da propriedade como área indígena. No entanto, os proprietários conseguiram na justiça, em 2003, liminar de manutenção da posse da área.

Outra invasão – Em Miranda, indígenas da etnia terena invadiram a Fazenda Petrópolis, de propriedade do ex-governador Pedro Pedrossian. Na fazenda, o clima é tranqüilo.

Na propriedade vizinha, Charqueada, o clima é mais tenso. Os indígenas estão com foice, machado, arcos e lanças, e não aceitam o diálogo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Prefeitura de Campo Grande abre inscrições de processo seletivo para nível médio
BONITO - MS
SENAR vai realizar curso de Produção de Alimentos Saudáveis em Bonito
EM MS
Eleitores já podem se cadastrar para atuar como mesários
OPERAÇÃO OIKETICUS
Cheque da desembargadora Tânia Borges é encontrado em investigação do Gaeco
NARCOTRÁFICO
Paraguai destrói 107 acampamentos com 318 toneladas de maconha na fronteira
BELEZAS NATURAIS DE MS
Isto é Mato Grosso do Sul: o novo vídeo que retrata as belezas do MS
DEFESA SANITÁRIA
MS apresenta situação da fronteira na reunião que discute a retirada da vacina contra aftosa
DEU RUIM
Golpe do 'Mercado Livre'
OPORTUNIDADES DE EMPREGOS
Terminam hoje inscrições de processo seletivo da UFMS para 48 vagas
TEMPO E TEMPERATURA
Inverno começa seco e quente em Mato Grosso do Sul