Menu
ITALÍNEA DOURADOS
segunda, 20 de agosto de 2018
KAGIVA
Busca

Dagoberto e Lucas resolvem, e São Paulo vence

23 Mai 2011 - 08h37Por Folha.com

Após a eliminação na Copa do Brasil pelo Avaí, que desencandeou uma crise no Morumbi, o São Paulo bateu o Fluminense por 2 a 0, no estádio São Januário, no Rio de Janeiro, em jogo válido pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro.

Os gols da equipe paulista foram marcados por Dagoberto, aos 34min da etapa inicial, e Lucas, aos 3min do segundo tempo. Os atletas foram os jogadores mais adiantados do time, neste domingo.

Esta foi a primeira partida do São Paulo depois da troca de farpas pública entre Carpegiani e Rivaldo. O jogador falou que se sentiu 'humilhado' ao não entrar na partida decisiva contra o Avaí, pela Copa do Brasil. O treinador falou que 'nestas horas as pessoas mostram seu caráter'.

O experiente meia entrou aos 38min da segunda etapa no lugar de Casemiro. No banco de reservas, porém, ambos estiveram distantes. Cada um em uma ponta.

O jogo foi marcado também por uma contusão de Rogério Ceni no tornozelo. O goleiro teve que deixar o gramado para a entrada de Denis, aos 8min do segundo tempo.

Na próxima rodada, o São Paulo recebe o Figueirense, no sábado. O Fluminense, que espera Abel Braga para, provavelmente, a terceira rodada, visita o Atlético-GO, no domingo.

O JOGO

O primeiro tempo foi insosso, sem chances de gols para ambas equipes. O Fluminense não contava com seu principal atacante, Fred, que sofre com uma amigdalite --uma inflamação na região próxima à garganta.

Já o São Paulo não tinha seu trio de zaga titular --Rhodolfo, Alex Silva e Miranda.

O time carioca arriscava chutes de fora da área e facilitava a vida de Rogério Ceni, que, em uma oportunidade ou outra, tinha um pouco mais de trabalho e espalmava a bola.

  Alexandre Loureiro/Divulgação  
Lucas e Dagoberto comemoram um dos gols do São Paulo
Lucas e Dagoberto comemoram um dos gols do São Paulo

A agremiação paulista apostava nas arrancadas de Lucas e Dagoberto.

Em uma destas jogadas de velocidade, aos 34min, Casemiro achou Dagoberto passando livre por trás da zaga carioca. O atacante chutou forte e alto, sem chances para Ricardo Berna: 1 a 0.

No restante da primeira etapa, o jogo continuou na mesma toada. O Flu arrematava de média e longa distância. O São Paulo explorava as individualidades de seus dois homens mais avançados no confronto de hoje.

Na volta do intervalo, o time carioca proporcionou contra-ataques para os paulistas. Lucas e Dagoberto aproveitaram os espaços e o São Paulo ampliou o marcador logo aos 3min. O meia Lucas, jogando mais adiantado, arrancou, passou por dois adversários e bateu no canto direito de Berna.

Após o segundo tento, os visitantes tiveram mais duas oportunidades. Berna evitou o gol de Casemiro, que tentara aproveitar um rebote do próprio goleiro, e Lucas chutou na trave uma bola espalmada pelo arqueiro.

Aos 8min, Rogério Ceni sentiu o tornozelo esquerdo e foi substituído por Denis. Era o quarto desfalque defensivo da equipe dirigida por Paulo César Carpegiani.

No restante da partida, o Fluminense tentava atacar, mas sem muita gana. O São Paulo tentava achar brechas para encaixar contra-ataques, mas pecava no último passe.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PROPAGANDA ANTECIPADA
Juiz rejeita recurso e mantém multa de R$ 31,5 mil a Odilon por uso de outdoors
AÇÕES DO GOVENO DO MS
Em 4 anos, Governo Reinaldo entrega mais pontes de concreto do que em toda história do Estado do MS
BONITO - MS
Jogos Escolares 2018 terão início nesta segunda-feira, dia 20 em Bonito
EM MIRANDA - MS - CASO DE POLÍCIA
Donos de casa noturna são presos por estupro coletivo de adolescente em Miranda
STOCK CAR
Vítima atropelada na Stock Car Light permanece no CTI
TJMS
Tribunal de Justiça triplica valor do "auxílio saúde" para juízes e desembargadores
ECONOMIA
Tesouro pagou em julho R$ 602,43 milhões em dívidas de estados
EDUCAÇÃO
Começam hoje inscrições para bolsas remanescentes do ProUni
JUSTIÇA
Ministras do STF conclamam mulheres a buscar igualdade pelo voto
ESTUDANTE DE MEDICINA NO PARAGUAI
Estudante de medicina foi morta com mais de 16 facadas na fronteira; namorado é principal suspeito