Menu
ASSOMASUL MARÇO
sbado, 23 de maro de 2019
mutantes
Busca
ÁGUAS DE BONITO

CUT barra jornalistas em ato de desagravo a Delúbio

5 Out 2011 - 11h45Por Folha.com

A CUT (Central Única dos Trabalhadores) barrou a entrada de jornalistas em ato de desagravo ao ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, réu no processo do mensalão.

Ele foi homenageado antes da abertura da 13ª plenária nacional da entidade, nesta terça-feira. O evento reúne sindicalistas de todo o país em Guarulhos, na Grande São Paulo.

Ligada ao PT, a central barrou a entrada de repórteres e expulsou a equipe da Folha de São Paulo, que estava credenciada e aguardava o discurso do petista no plenário, depois de se identificar na entrada.

A assessoria da CUT não explicou o motivo da censura e atribuiu a decisão à coordenação da plenária.

Delúbio é apontado pela Procuradoria-Geral da República como o operador do mensalão. Se for condenado, pode cumprir até 111 anos de prisão pela suposta prática dos crimes de formação de quadrilha, corrupção ativa e lavagem de dinheiro.

Ele aproveitou o ato para lançar um CD e um livreto com a cópia de sua defesa no STF (Supremo Tribunal Federal).

Deixe seu Comentário

Leia Também

GREVE VINDO AÍ
Monitoramento mostra que caminhoneiros já se mobilizam para nova paralisação
BONITO - MS - AÇÃO NECESSÁRIA
Em Bonito, Defesa Civil e SAS removem moradores em Águas do Miranda
BONITO E JARDIM - MS
Governo estabelece regras para aprovação de projetos no Rio da Prata em Jardim e Formoso Bonito (MS)
GERAL
PM do Estado por meio do BOPE lançará edital para 2° Curso de Especialização em Negociação Policial
POLÍCIA
Para mulher reatar, homem envia foto com facão e filha de 2 anos no colo em MS
POLÍTICA
Tribunal vai julgar habeas corpus de Temer na próxima quarta-feira
CULTURA
Fundação de Cultura inaugura ‘Espaço Jorapimo’ com obras inspiradas em Lídia Baís
JUSTIÇA
Plenário do STF mantém exigências para porte de arma por juízes
MEIO AMBIENTE
“Objetivo é proteger mananciais”, diz Reinaldo sobre Rio da Prata e Formoso
NIOAQUE - MS
Lançado em 2015, Nioaque tem seu Vale dos Dinossauros ainda quase intocável